Assaltantes devolvem celular e dinheiro após descobrir que vítima era esposa de líder do PCC

Criminosos que roubaram celular e dinheiro de uma...

Paula Belmonte aguarda TSE para saber se sairá candidata ao GDF

Nos 45 minutos do segundo tempo para o fim...

A empresa com lucro recorde maior que o PIB de mais de metade dos países do mundo

A gigante petrolífera saudita Saudi Aramco bateu seu próprio...

Eduardo Bolsonaro reclama da Anvisa por máscaras em voos: ‘Será eterna?’

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP) foi às redes...

Ucrânia começa a exportar energia elétrica para UE como forma de garantir a segurança europeia

Escrito por Redação

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

A Ucrânia começou a exportar energia elétrica para a União Europeia (UE) através da Romênia, informou o presidente Volodymyr Zelensky na quinta-feira, 30, no momento em que a Rússia está reduzindo o fornecimento de gás ao bloco.”É apenas a primeira etapa. Estamos nos preparando para aumentar o fornecimento”, declarou o chefe de Estado. “Para nós, esta não é apenas uma questão de receita das exportações, é uma questão de segurança para toda Europa”, disse. A rede de energia elétrica ucraniana foi conectada ao sistema europeu em meados de março para ajudar a manter o fornecimento, apesar da guerra. “Deixe-me lembrá-lo de que a ligação de nosso país ao sistema energético comum da UE ocorreu já depois que a guerra começou. A Ucrânia está fazendo coisas que antes pareciam impossíveis.”

As declarações de Zelensky acompanham a do primeiro-ministro, Denys Shmyhal, que informou na quinta de manhã que as exportações já começaram, com um volume de 100 megawatts. Para o líder ucraniano, essa exportação, é “mais um passo significativo” no movimento da Ucrânia em direção à União Europeia”. Em uma rede social, a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen declarou que as exportações ucranianas “fornecerão uma fonte adicional de energia elétrica para a UE. E uma receita muito necessária para a Ucrânia”. Vários países europeus, incluindo Itália e Alemanha, dependem muito do gás russo para suprir suas necessidades energéticas.

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Civis são mortos por objeto não identificado enquanto nadavam no Mar Negro

Um artefato explosivo não identificado causou a morte de três civis que nadavam no Mar Negro, na região de Odessa, sul da Ucrânia, informou as autoridades nesta segunda-feira, 15....

Irã nega envolvimento no esfaqueamento do escritor Salman Rushdie

Sem se posicionar desde sexta-feira, o governo do Irã negou nesta segunda-feira, 15, que tenha qualquer envolvimento com o agressor do escritor Salman Rushdie, atacado quando estava prestes a...

Morsa que se tornou estrela do verão da Noruega é sacrificada: ‘Não tinha solução’

Freya, uma morsa que se tornou a estrela do verão da Noruega após se estabelecer no fiorde de Oslo, foi sacrificada, informaram as autoridades no domingo, 14. “A decisão...