Países ocidentais prometem R$ 7,9 bilhões em auxílio à Ucrânia

Países ocidentais se comprometeram nesta quinta-feira, 11, a oferecer...

Filme do ‘Flash’ com Ezra Miller pode ser cancelado pela Warner; entenda

Após cancelar o filme de Batgirl e outras produções,...

Com gol nos acréscimos, Athletico-PR vence o Estudiantes e avança à semifinal da Libertadores

A última vaga às semifinais da Copa Libertadores foi...

Anvisa recebe cinco pedidos para diagnóstico da varíola dos macacos e inicia análises

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) apresentou, nesta...

Preso estudante que tirou foto íntima de colega e compartilhou no WhatsApp

Escrito por Redação

Publicado em:

Compartilhe esse artigo
Um estudante, de 18 anos, de uma escola estadual de Montes Claros, no Norte de Minas, foi preso por tirar foto íntima de uma colega de classe e compartilhar em um grupo de WhatsApp. O caso ocorreu na noite de quinta-feira (30/06).

O suspeito já foi solto e vai responder ao processo em liberdade, pelo crime de divulgação, sem consentimento da vítima, de cena de sexo, nudez ou pornografia, previsto no artigo 218-C do Código Penal Brasileiro na Lei 13.718/2018.

A pena prevista varia de um a cinco anos de detenção. Se o autor do crime manteve ou mantém relação íntima de afeto com a vítima ou com o fim de vingança ou com humilhação a pena pode ser aumentada em até dois terços.

Conforme informações da Polícia Militar, o fato ocorreu na Escola Estadual Benjamin Versiane dos Anjos, no Bairro Renascença. A vítima seria uma aluna da escola, de 21 anos.

Segundo a PM, uma equipe da corporação foi acionada e compareceu na escola, onde encontrou a vítima chorando. A aluna relatou que um colega dela havia fotografado suas partes intimas por debaixo da carteira. Na sequência, o suspeito teria postado a foto em um grupo de WhatsApp dos próprios alunos.

O estudante foi identificado pelos militares e conduzido até a delegacia. De acordo com a Polícia Civil, em depoimento, inicialmente, o rapaz negou, mas acabou confessando ter tirado a postado a foto das partes íntimas da colega.

Nesta quarta-feira, a Polícia Civil confirmou que o suspeito foi solto e vai responder o processo em liberdade, mas não revelou por quanto tempo ele ficou detido.

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Templo da Backer volta a operar nesta quinta com evento gastronômico

O "Templo Cervejeiro", restaurante anexo à Cervejaria Backer no Bairro Olhos D'Água, Região Oeste de BH, reabriu as portas nesta quinta-feira (11/8) para a segunda temporada do "Valle Gastronômico".  A...

Homem que matou mulher com foice é condenado a 21 anos de prisão

Foi condenado a 21 anos de prisão homem que matou a companheira com golpes de foice, em Varzelândia, no Norte de Minas. Ele foi julgado na última terça-feira (9/8).A...

Praça do Cristo Redentor será revitalizada pela Prefeitura de BH

A Praça do Cristo Redentor, no bairro Milionários, na região do Barreiro, de Belo Horizonte, será revitalizada pela Prefeitura da capital, segundo informado pela PBH nesta quinta-feira (11/8).O valor...