Governo publica exoneração de Pedro Guimarães

A demissão de Pedro Guimarães da presidência da...

Na Praia volta em novo endereço e com programação para toda a família

Após dois anos de hiato, o Na Praia volta...

Dono de boliche acusado de homofobia é perito da Polícia Federal

Um dos donos do estabelecimento Capitão Boliche, denunciado por...

CPI em Uberlândia investiga contratos da Secretaria de Saúde

Uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) vai investigar contas...

VÍDEO: Sem convite, Suplicy interrompe lançamento de diretrizes para programa de Lula

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

VÍDEO: Sem convite, Suplicy interrompe lançamento de diretrizes para programa de Lula

Foto: Reprodução / YouTube

O vereador de São Paulo, Eduardo Suplicy (PT), interrompeu, na manhã desta terça-feira (21), o evento de lançamento das diretrizes para o plano de governo da chapa liderada pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e pelo ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSB), para reclamar da não inclusão de sua proposta de “renda básica de cidadania” no texto divulgado.

“[Quero] entregar ao Aloizio Mercadante a proposta que não foi considerada ainda, entre os itens principais, a instituição da renda básica de cidadania, aprovada por todos os partidos, sancionada pelo presidente Lula e está no programa do PT há muito anos, todo ano”, disse Suplicy, estendendo um documento em direção a Mercadante, presidente da Fundação Perseu Abramo.

Ex-senador da República, Suplicy aproveitou ainda para reclamar que não foi convidado para o evento, afirmando que Mercadante teria alguma coisa contra ele, mas ressaltou que continuará ao lado da candidatura petista à presidência da República.

Sem convite, Suplicy interrompe lançamento de diretrizes para programa de Lula https://t.co/XJgKIb8Y13 (via @Metropoles) pic.twitter.com/DFw2AdG0V3

— Bahia Notícias (@BahiaNoticias) June 21, 2022

“Ele tem alguma coisa comigo, não me convidou para esta reunião. Você sabe com quem que eu soube da reunião? Ontem a noite; ‘Você não vai na reunião do partido?’. Não fui convidado, mas hoje eu estou aqui. E continuarei trabalhando muito para que Lula e Alckmin instituam a renda básica de cidadania enquanto eu estiver vivo ainda”, falou o vereador paulistano.

Apesar das reclamações de Suplicy, que constrangeram os presentes, o projeto da renda básica de cidadania está sim incluído nas diretrizes do programa do governo Lula, divulgado nesta terça, na parte em que trata de um “Bolsa Família renovado e ampliado”.

“Um programa que, orientado por princípios de cobertura crescente, baseados em patamares adequados de renda, viabilizará a transição por etapas, no rumo de um sistema universal e uma renda básica de cidadania”, dizem as diretrizes.

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Dono de boliche acusado de homofobia é perito da Polícia Federal

Um dos donos do estabelecimento Capitão Boliche, denunciado por homofobia nessa segunda-feira (27/6), é perito contábil da Polícia Federal em Brasília e se chama...

CPI em Uberlândia investiga contratos da Secretaria de Saúde

Uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) vai investigar contas da Secretaria Municipal de Saúde de Uberlândia, no Triângulo Mineiro. Na manhã desta quarta-feira (29/6) houve...

Carla Zambelli é condenada a indenizar deputadas do PSOL por associá-las à ‘esquerda genocida’

A deputada federal Carla Zambelli foi condenada a indenizar duas colegas da Câmara dos Deputados após declarações nas redes sociais associando as parlamentares ao...
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com