Bolsonaro escolhe mulher para substituir presidente da Caixa acusado de assédio sexual

O presidente Jair Bolsonaro já decidiu quem vai...

Yasmin Brunet manda indireta sobre traição e Ovnis, e web relembra PA

Yasmin Brunet usou seu Twitter para mandar uma indireta...

Fernanda Souza revela rotina e abre o jogo sobre namoro com Duda Porto

Fernanda Souza abriu o jogo sobre a sua rotina...

Vocalista do Jota Quest revela detalhes de turnê de 25 anos da banda

Rogério Flausino participou do podcast Bulldog Show, apresentado por...

Verstappen vence GP do Azerbaijão e abre vantagem no Mundial de Fórmula 1

Publicado em:

Compartilhe esse artigo
8a50b5596ec36ad331354f3d330148ae78bd2e41w

O holandês Max Verstappen, da Red Bull, venceu neste domingo, 12, o Grande Prêmio do Azerbaijão de Fórmula 1 no circuito de rua de Baku, conquistando sua 25ª vitória na carreira e abrindo vantagem na liderança da classificação do Mundial de pilotos. Verstappen superou seu companheiro de equipe, o mexicano Sergio Pérez, e o britânico George Russell (Mercedes), que completaram o pódio. Agora, o atual campeão do mundo tem 31 pontos à frente de Pérez e 34 a mais que o monegasco Charles Leclerc, da Ferrari, que largou na ‘pole position’, mas teve que abandonar a corrida por um problema no motor. “Tínhamos um ritmo incrível hoje, tive que prestar atenção nos pneus. Consegui me colocar à frente e tivemos um pouco de sorte com os abandonos da Ferrari, mas tínhamos ritmo”, disse Verstappen ao término da corrida.

Depois de ter largado na segunda fila, atrás de Pérez e Leclerc, o holandês começou a construir sua vitória ao ultrapassar seu companheiro de equipe, que desgastou demais seus pneus no início da prova. Depois disso, ele só teve que acompanhar à distância a quebra do motor da Ferrari de Leclerc na 20ª de 51 voltas. “A chave foi a gestão dos pneus, o que é necessário aqui. Todos os fins de semana são diferentes, temos que ser precisos, estar atento nos mínimos detalhes da corrida”, acrescentou Verstappen, que poderá viajar com relativa tranquilidade a Montreal para a disputa na semana que vem do GP do Canadá. Uma situação oposta vive a Ferrari. A escuderia italiana sai do Azerbaijão sem marcar nenhum ponto. Além de Leclerc, o espanhol Carlos Sainz também teve que abandonar a corrida, devido a problemas hidráulicos em seu carro.

Para o monegasco, as três últimas corridas foram decepcionantes: antes de Baku, ele teve que abandonar o GP da Espanha e se conformar na etapa seguinte com um quarto lugar em Mônaco, depois um grave erro de estratégia da equipe. Dominante nas sessões de classificação nesta temporada (seis poles em oito possíveis), Leclerc está vendo Verstappen se distanciar na classificação do Mundial de pilotos. No campeonato de construtores, a Red Bull somou 44 pontos neste fim de semana no Azerbaijão, contando com o ponto extra pela volta mais rápida da corrida para Pérez. Alerta vermelho para a Ferrari.

*Com AFP

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Polícia prende 3 torcedores do Boca por injúria racial e apologia ao nazismo durante jogo contra o Corinthians 

A Polícia Civil prendeu três torcedores do Boca Juniors por gestos discriminatórios durante o empate contra o Corinthians, na noite da última terça-feira, 28,...

Meia-atacante Gabriel Honório é o novo reforço do Vitória

O Vitória tem um novo reforço para a Série C do Brasileiro. O meia-atacante Gabriel Honório, de 25 anos, é a nova opção...

Investimentos estaduais elevam qualidade de vida dos soteropolitanos

Salvador é a terceira cidade do país, a maior do Nordeste, com aproximadamente três milhões de habitantes. Na busca de soluções para os...
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com