Lore Improta revela bastidores de foto com Léo Santana: ‘P*u tava marcado demais’

Lore Improta voltou a comentar sobre o órgão...

Saiba o que motivou a briga entre os irmãos Diogo e Rodrigo Mussi

Diogo Mussi revelou, na última quarta-feira (7/7), que anda...

Suárez confirma que não irá para o River após queda na Libertadores

A eliminação do River Plate nessa quarta-feira (6/7) da...

Justiça suspende show de Wesley Safadão que custaria R$ 700 mil a município

A Justiça do Amazonas suspendeu a contratação pela Prefeitura...

RJ: Mostra Que Baleia É Essa? traz modelos táteis para acessibilidade

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

Uma exposição que mostra o esqueleto de uma baleia em conjunto com modelos táteis para acessibilidade. Os itens podem ser conferidos na mostra “Que Baleia É Essa?”, na Cidade das Artes, zona oeste carioca. A exposição faz parte da Semana do Meio Ambiente, promovida pela Universidade Federal do Rio de Janeiro.ebcebc

O mamífero foi encontrado encalhado ainda vivo, em 2014, numa comunidade de pescadores no Ceará. A cachalote tinha aproximadamente 50 anos, pesava 45 toneladas e media cerca de 16 metros. O comprimento do esqueleto é dois metros maior que o do exemplar que fazia parte do acervo do Museu Nacional, antes de ser destruído por um incêndio, em 2018. A curadora da mostra, a bióloga Juliana Sayão, fala sobre particularidades e hábitos da espécie, que pode ser encontrada no mundo todo: “É o animal que produz os sons mais altos nos oceanos, chegando a 197 decibéis. Mergulha em grandes profundidades em busca de alimento e tem uma alimentação composta por lulas gigantes, peixes e até tubarões.”

Durante a abertura da mostra, a diretoria do Museu Nacional atualizou o andamento da reconstrução do espaço. De acordo com o diretor Alexander Kellner, foi arrecadado cerca de 60% do valor estimado que será necessário para a reconstrução do Palácio, que é de R$ 380 milhões. Já sobre o andamento da recomposição do novo acervo do Museu Nacional, ele explica que ainda há muito o que fazer: “Precisamos de dez mil objetos. Temos mais ou menos 1.050. A gente precisa de muita participação internacional, mas só teremos isso se provarmos ao mundo que aprendemos e que vamos fazer melhor.”

Antes de ser integrada à exposição definitiva do museu, o que está previsto para 2024, a baleia-cachalote fica exposta ao público até 30 de dezembro. As visitas podem ser feitas às quartas, sextas e sábados, a partir de meio-dia, com última entrada às três da tarde. A retirada dos convites poderá ser feita em até 30min antes do horário da sessão na Bilheteria da Cidade das Artes. Para mais informações, acesse o site museunacional.ufrj.br/expobaleia.

Cultura Brasília 06/06/2022 – 19:48 Bianca Paiva / Beatriz Arcoverde Tatiana Alves – Repórter da Rádio Nacional expobaleia  Que Baleia É Essa Museu Nacional do Rio de Janeiro segunda-feira, 6 Junho, 2022 – 19:48 3:10

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS