Ex-sem-teto Givaldo Alves vende ‘Pau de Mendigo’ sem aval da Anvisa

Após ficar famoso por ter mantido relações sexuais...

Devido orientação médica, Os Barões da Pisadinha cancelam shows em municípios da Bahia

A banda Os Barões da Pisadinha precisou cancelar...

Justiça condena ginecologista a 16 anos de prisão por abusar pacientes em consultas

A 1ª Vara Judicial da Comarca de Canguçu...

PSol estuda lançar senador independentemente do apoio de Haddad

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

A direção do PSol discute a possibilidade de lançar um senador próprio em São Paulo se o petista Fernando Haddad, candidato ao governo do estado, decidir apoiar um quadro de outro partido para a disputa do cargo.

As negociações para o PSol se aliar à candidatura de Haddad estão em ritmo lento porque os partidos aguardam a palavra final de Márcio França, do PSB, sobre a eleição estadual. Tanto o PT quanto o PSol acreditam que França pode desistir do governo para concorrer ao Senado.

Mais sobre o assunto Grande Angular Federação formada por PSol e Rede aprova apoio a Lula nas eleições Guilherme Amado De óculos escuros, amigo de Bolsonaro é visto filmando ação do PSol Blog do Noblat Vídeo: Lira ameaça expulsar deputado do PSol do plenário em bate-boca Janela Indiscreta Federação entre Rede e PSol quer lançar 1º mandato coletivo ao Senado França dificilmente contaria com apoio do PSol, já que o pessebista pretende lançar a deputada Tabata Amaral como candidata à prefeitura de São Paulo em 2024. O PSol e o PT anunciaram acordo para Guilherme Boulos ser o nome da esquerda no pleito municipal.

No entanto, o presidente estadual do PT, Luiz Marinho, disse à coluna Painel que não aprova a entrada do PSol na composição da chapa majoritária. Pela legislação eleitoral, nada impede o PSol de apoiar a candidatura de Haddad com um nome próprio concorrendo ao Senado na coligação.

O PSol avalia quais quadros poderiam disputar o cargo. O presidente nacional do partido, Juliano Medeiros, é um dos cotados para a eleição.

3 Cards_Galeria_de_Fotos (2) Enquanto partidos se organizam em busca de alianças e de federações partidárias, nomes da política brasileira já são dados como certos nas eleições de 2022 TSE/Divulgação

***eleições-sao-paulo-2022-1 Em São Paulo, maior colégio eleitoral do Brasil, já se fala em ao menos 10 pré-candidatos. Alguns já estão oficializados pelos partidos; outros, ainda não Reprodução/ Governo de São Paulo

***Rodrigo-Garcia-eleições-2022 Rodrigo Garcia (PSDB) – O vice-governador de São Paulo foi escolhido em novembro de 2021 para concorrer ao governo do estado pelo Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) Fábio Vieira/Metrópoles

***Haddad-eleições-2022 Fernando Haddad (PT) – Empasse entre PT e PSB – que buscam a criação de uma federação partidária – para a disputa de São Paulo ainda deixa incógnita. Enquanto o ex-governador Márcio França afirma que disputará o comando do estado, Gleisi Hoffmann, presidente do PT, defende a candidatura de Haddad Rafaela Felicciano/Metrópoles

***Márcio-França-eleições-2022 Márcio França (PSB) – O ex-governador reafirmou que, “apesar das especulações”, segue como pré-candidato do partido ao governo de São Paulo. No Twitter, França fez post afirmando que tem “projeto para SP e muito apoio” Fernanda Luz/Divulgação

***Vinícius-Poit-eleições-2022 Vinícius Poit (Novo) – O Partido Novo lançou o deputado como pré-candidato ao governo de São Paulo nas eleições de 2022 Fábio Vieira/Metrópoles

***Abraham-Weintraub-eleições-2022 Abraham Weintraub – O ex-ministro da Educação tem sido cortejado por partidos que querem lançá-lo como candidato ao governo de São Paulo. Weintraub, no entanto, ainda não anunciou seus planos políticos Andre Borges/Esp. Metrópoles

***Tarcísio-Freitas-eleições-2022 Tarcísio de Freitas (PL) – Bolsonaro confirmou Freitas na disputa pelo governo de São Paulo. O presidente disse que conversou com o ministro da Infraestrutura e ele topou disputar, neste ano, as eleições pelo PL, mesmo partido do presidente Marcelo Camargo/Agência Brasil

***Felício-e-Paulo-Serra-eleições Felício Ramuth, prefeito de São José dos Campos, e Paulo Serra, prefeito de Santo André, são alguns dos nomes cotados para concorrer ao governo de São Paulo pelo PSD Reprodução/ Instagram

****Foto-Altino-Junior-pre-candidato-governo-de-sao-paulo Altino Junior (PSTU)- O Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado lançou o político como pré-candidato ao governo de São Paulo nas eleições de 2022 Foto: Sérgio Koei/PSTU

0 Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui. Siga a coluna no Twitter e no Instagram para não perder nada. O post PSol estuda lançar senador independentemente do apoio de Haddad apareceu primeiro em Metrópoles.

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Polícia turca prende mais de 200 pessoas em marcha LGBTI+ em Istambul

Mais de 200 pessoas foram detidas pela polícia durante a Marcha do Orgulho LGBTI+ em Istambul, capital da Turquia, neste domingo (26/6). Forças de...

Vereador Mauro Zacher morre depois de mal súbito

O vereador de Porto Alegre Mauro Zacher (PDT) morreu aos 46 anos, na manhã deste domingo (26/06), em Fortaleza. A assessoria do político informou...
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com