Mãe de Rodrigo Mussi lamenta “mudança do filho” e se defende

Mara Carvalho, mãe de Rodrigo Mussi, deu uma entrevista...

Lula nega “guerra santa” por votos: “Não faz parte da minha cultura”

Em entrevista nesta sexta-feira (19/8), em seu escritório de...

Lotofácil 2603, Quina 5928 e outras loterias: confira os números (19/8)

A Caixa sorteou nesta sexta-feira (19/8) os concursos Lotofácil...

Bolsonaro sobre eleição em Minas: ‘Jamais serei inimigo do Zema’

O presidente Jair Bolsonaro (PL) comentou nesta sexta-feira (19/8)...

Piquet se pronuncia após chamar Hamilton de ‘neguinho’

Publicado em:

Compartilhe esse artigo
O ex-piloto Nelson Piquet publicou uma nota em inglês nesta quarta-feira (29) em que pede desculpas “a quem se sentiu ofendido” pela entrevista em que ele usa comentário racista ao se referir ao heptacampeão da Fórmula 1, Lewis Hamilton. Piquet usa a palavra “neguinho”.

No pronunciamento, o ex-piloto diz que o uso da palavra no Brasil é corriqueiro e que não quis ser racista.
“Gostaria de esclarecer as histórias circulando na mídia sobre um comentário que eu fiz em uma entrevista no ano passado. O que eu disse foi mal pensado e não vou defender isso, mas quero esclarecer que o termo que usei é historicamente usado informalmente no português brasileiro como sinônimo de ‘cara’ ou ‘pessoa’ e eu nunca usaria a palavra que eu fui acusado em algumas traduções”, escreveu em inglês.
A palavra não citada por Piquet, mas que foi traduzida por alguns portais, é “nigger” ou “nigga”, termos extremamente racistas usados nos Estados Unidos por brancos para inferiorizar negros – sendo utilizados frequentemente por grupos supremacistas.
“Eu condeno fortemente qualquer sugestão de que ela foi usada por mim com o objetivo de menosprezar um piloto por causa da cor da sua pele. Eu peço desculpas sinceramente a quem se sentiu ofendido, incluindo Lewis, que é um piloto incrível, mas a tradução em alguns locais que está circulando nas mídias sociais não é correta. Discriminação não tem lugar na F-1 ou na nossa sociedade e estou feliz de esclarecer meu ponto a respeito”, finalizou.

O vídeo da entrevista viralizou durante o fim de semana, mas foi gravado logo após o Grande Prêmio da Inglaterra de 2021, quando houve um acidente entre Hamilton e Max Verstappen – genro de Piquet.

Nas imagens, por diversas vezes, Piquet usa o termo “neguinho” referindo-se ao heptacampeão mundial ao falar sobre as manobras e ainda insinua que Hamilton “fez de sacanagem” a batida.

Reação de Hamilton, FIA, Mercedes e pilotos

Nessa terça-feira (28), Lewis Hamilton se manifestou sobre as falas racistas e pediu uma “mudança de mentalidade”, além de lembrar que a vida inteira ouviu comentários do tipo.
“Essas mentalidades arcaicas precisam mudar e não têm lugar no nosso esporte. Fui cercado por essas atitudes e alvo disso em minha vida toda. Houve muito tempo para aprender. Chegou a hora da ação”, escreveu Lewis Hamilton.

Além do piloto, a Mercedes, a F-1 e a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) repudiaram as falas de Piquet e lembraram dos esforços de Hamilton contra o racismo “dentro e fora” das pistas.

Diversos pilotos e equipes da categoria também se manifestaram em defesa do britânico, repudiando o termo racista usado por Piquet

   

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Fittipaldi se candidata ao Senado da Itália pela extrema direita

 O bicampeão mundial de Fórmula 1 Emerson Fittipaldi será candidato ao Senado da Itália pelo partido da deputada de extrema direita Giorgia Meloni, que lidera as pesquisas de intenção...

Alex Albon renova com a Williams até 2023

 "Entendo que a Williams Racing, com meu acordo, publicou um comunicado de imprensa esta tarde indicando que pilotarei para eles no ano que vem. Isso está certo e assinei...

Alpine anuncia Oscar Piastri para substituir Alonso na Fórmula 1 em 2023

 A Alpine anunciou nesta terça-feira (2) que o australiano Oscar Piastri será o companheiro de equipe de Esteban Ocon para a próxima temporada da Fórmula 1 em 2023.O piloto...