Brasil registra primeiros casos de transmissão comunitária da varíola do macaco

A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de...

‘Arraiá do Aconchego’ reúne multidão no 1º dia em Candeias 

A reestreia do 'Arraiá do Aconchego' nesta quinta-feira...

MP diz que vai investigar denúncias a Fundação Doutor Jesus

O Ministério Público da Bahia (MP-BA) informou que...

PIB avança 1% no trimestre impulsionado pelo setor de serviços

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

O Produto Interno Bruto cresceu 1,0% no primeiro trimestre de 2022, comparado ao quarto trimestre de 2021, e 1,7% frente ao mesmo período do ano passado. No acumulado dos últimos quatro trimestres o avanço chega a 4,7%. ebcebc

Em valores correntes, a soma de todas as riquezas produzidas no país entre janeiro e março de 2022 totalizou R$ 2,249 trilhões. De acordo com o IBGE, o resultado reflete a reabertura das atividades econômicas.

A análise da demanda por bens e serviços, por exemplo, mostra que o percentual positivo foi impulsionado pelo consumo das famílias, que cresceu 0,7%, enquanto os gastos do governo ficaram estáveis e os investimentos caíram 3,5%. 

Na avaliação da coordenadora de Contas Nacionais do IBGE Rebeca Palis, com isso, o Brasil já recuperou as perdas acumuladas ao longo da pandemia de covid. Os dados do  primeiro trimestre do PIB mostram também que o crescimento da economia foi puxado pela alta de 1% nos serviços, que representam 70% do Produto Interno Bruto do país. Dentro do setor, Rebeca Palis destaca a alta de 2,2% na categoria Outros serviços.

O Ministério da Economia divulgou uma nota informativa em que diz que o resultado do PIB nesse primeiro trimestre mostra a continuidade da recuperação da atividade econômica, mesmo com os impactos do conflito do Leste Europeu e os efeitos remanescentes da pandemia.

De acordo com a nota, os resultados econômicos mais recentes levaram o mercado a revisar suas projeções para 2022, ampliando o crescimento de uma mediana de 0,3% para cerca de 1,5%. 

Mas o Ministério ressalta que o crescimento de longo prazo depende da consolidação fiscal e da realização de reformas, como a abertura econômica, privatizações e concessões.

 

Economia No acumulado dos últimos quatro trimestres o avanço chega a 4,7% Rio de Janeiro 02/06/2022 – 12:47 Leila Santos/Edgard Matsuki Tâmara Freire – Repórter da Rádio Nacional PIB quinta-feira, 2 Junho, 2022 – 12:47 3:09

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com