Famosos arrasando na estética Barbie

O próximo filme da Barbie estrelado por Margot Robbie...

Como será distribuída a fortuna de Chadwick Boseman (sem testamento)

Em agosto de 2020, o mundo do cinema ficou...

Dias D’Ávila: Câmara rejeita indicação de título de cidadão a ACM Neto

A Câmara de Dias D'Ávila rejeitou o projeto...

Juiz condena antiga Odebrecht a pagar R$ 28,3 mi de aluguel por ocupação ilegal de terreno

O juízo da 6ª Vara da Fazenda Pública...

Pesquisa: Caiado lidera disputa contra Mendanha e Perillo em Goiás

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (União Brasil), lidera as pesquisas de intenção de voto na corrida rumo ao Palácio das Esmeraldas. Segundo levantamento divulgado nessa segunda-feira (20/6) pelo Instituto Paraná Pesquisas, Caiado tem 45,8% da preferência do eleitorado em um dos cenários de disputa. Em outra hipótese, em que um dos adversários é o ex-governador Marconi Perillo (PSDB), o pré-candidato à reeleição cai para 40,8%, mas mantém a ponta.

No cenário em que aparece, Perillo é o terceiro colocado, com 14,6%. Ele está atrás de Gustavo Mendanha (Patriota), ex-prefeito de Aparecida de Goiânia, que soma 21,9%. A quarta posição é ocupada pelo deputado federal Major Vitor Hugo (PL). Ex-líder de Jair Bolsonaro (PL) na Câmara, ele aparece com 7,7%.

Depois, vem o professor e empresário Edgar Diniz, do Novo, com 1,5%. Atrás, está Wolmir Amado (PT), ex-reitor da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO). Ele conquistou 1,2%.

Nessa conjuntura, a pesquisa registrou 7,6% de potenciais votos em branco ou nulos. Outros 4,7% não responderam.

Caiado e Mendanha crescem sem Perillo

No levantamento sem Perillo, além do crescimento de Caiado para 45,8%, também há aumento no percentual obtido pelo vice-líder Gustavo Mendanha, que salta para 25,8%.

Vitor Hugo também se beneficia da saída do tucano, porque chega a 9,1%, Edgar Diniz e Wolmir Amado, por sua vez, conseguem três décimos. O pré-candidato do Novo vai a 1,8%, enquanto o petista atinge 1,5%.

Sem Perillo, o índice de possíveis votos em branco ou nulos é de 10,5%. Há, ainda, 5,6% de abstenção. Os dois cenários se referem a levantamentos estimulados, em que os eleitores precisam opinar a partir de uma lista predefinida de potenciais candidatos.

Caiado vence Mendanha e Perillo em disputas diretas

O Instituto Paraná simulou, ainda, confrontos diretos envolvendo Ronaldo Caiado, Gustavo Mendanha e Marconi Perillo. No primeiro cenário, com disputa entre Caiado e Mendanha, o governador vence por 51,8% a 32,5% – com 10,9% de brancos/nulos e 4,9% de indecisos.

No embate ante Perillo, Caiado triunfa por 56,3% a 22,1%. Nesse cenário, há 16,8% de brancos e nulos, além de 4,9% de abstenções/indecisões.

Se houvesse segundo turno entre Mendanha e Perillo, o Instituto Paraná projeta, neste momento, vitória do ex-prefeito de Aparecida por 45,6% a 26,8%, com 7,1% de pessoas que não opinaram e 20,5% de brancos e nulos.

Perillo lidera para o Senado

No que tange à única vaga de senador em jogo neste ano, a pesquisa indica vitória de Perillo se ele resolver participar da disputa. No cenário estimulado, ele é líder com 27,5%. Atrás, com 17,3%, está o deputado federal Delegado Waldir (União Brasil). O também parlamentar João Campos (Republicanos) soma 8,7%, e é seguido de perto pelo colega de Câmara Doutor Zacharias Calil (União Brasil), com 8,2%.

Citados, também, o ex-ministro Alexandre Baldy (PP), com 4,9%, o senador Luiz do Carmo (PSC), com 3,2%, e o deputado estadual Lissauer Vieira (PSD), com 2,1%. Possíveis votos brancos/nulos são 19,7%, mais 8,4% de indecisos.

Mais Senado: saída de Perillo beneficia Waldir

Sem Perillo na corrida ao Senado, a liderança passa ao Delegado Waldir, com 23,4%. O índice, porém, é inferior aos 30,1% de brancos e nulos. No segundo cenário a respeito da vaga na Câmara Alta do Congresso, o vice-líder é João Campos, com 10,8%.

Depois, aparecem Zacharias Calil (10,1%), Alexandre Baldy (7%), Luiz do Carmo (4,9%) e Lissauer Vieira (3,3%). No cenário, há 10,3% de indecisos.

A pesquisa

Para obter os dados, o Instituto Paraná fez 1.540 entrevistas presenciais com eleitores de 18 a 60 anos entre os dias 13 e 17 deste mês. A margem de erro dos resultados é de 2,5 – para mais ou para menos.

A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o número GO-00766/2022.

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Bruno ressalta boa relação para justificar eventual apoio de Coronel a ACM Neto

Prefeito de Salvador, Bruno Reis (União) deixou as portas abertas para o apoio do senador Angelo Coronel (PSD) à pré-candidatura de ACM Neto...

Presidente da Caixa oficializa demissão em carta a Bolsonaro

O presidente da Caixa Econômica Federal (CEF), Pedro Guimarães, acabou de oficializar a demissão por meio de carta entregue ao presidente Jair Bolsonaro (PL),...

TCE aprova contas de Kalil na PBH e ex-prefeito comemora: ‘Gestão honesta’

O Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCE-MG) aprovou, nesta terça-feira (28/6), a prestação de contas do ex-prefeito de Belo Horizonte, Alexandre...
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com