Prazo para caminhoneiros fazerem autodeclaração para receber benefício começa nesta segunda-feira

O prazo para que transportadores autônomos de carga (TAC)...

Tiririca define candidatura à Câmara e escolhe novo número nas urnas

O humorista e deputado federal Tiririca (PL-SP) definiu que...

Bolsonaro inicia campanha pela reeleição no local onde levou facada em 2018

O presidente da república, Jair Bolsonaro (PL), escolheu...

Margareth Menezes leva seu Eletroacústico ao Domingo no TCA

Foi no Teatro Castro Alves (TCA) que ela...

Palmeiras goleia Cerro Porteño e encaminha classificação na Libertadores

Escrito por Redação

Publicado em:

Compartilhe esse artigo
O Palmeiras criou boa vantagem nas oitavas de final da Copa Libertadores. Na noite desta quarta-feira, o Verdão venceu o Cerro Porteño por 3 a 0 pelo jogo de ida, disputado no estádio General Pablo Rojas, em Assunção, no Paraguai. Rony (duas vezes) e Murilo anotaram os gols da vitória palmeirense.

Com o resultado, a equipe de Abel Ferreira carrega boa vantagem para o jogo de volta, que acontece na próxima quarta-feira (6 de julho), no Allianz Parque. Em casa, o Palmeiras pode perder por até dois gols de diferença. Uma vitória do Cerro Porteño por três de vantagem leva o confronto para os pênaltis.
O Palmeiras volta a campo neste sábado, às 21h, quando recebe o Athletico no Allianz Parque. O Verdão é líder da competição nacional com 29 pontos, a três de vantagem para o vice Corinthians.

O JOGO

O duelo foi bastante amarrado durante todo o primeiro tempo. O Palmeiras tentou tomar para si o controle do jogo, mas encarou uma boa marcação da equipe paraguaia. A primeira grande oportunidade do jogo, inclusive, foi do Cerro Porteño. Espinola foi até a linha de fundo pelo lado direito e cruzou na segunda trave para Alan Benítez, que finalizou em cima da zaga palmeirense.
A única chance de perigo do Palmeiras antes do intervalo aconteceu aos 41 minutos, quando Piquerez criou boa jogada pelo lado esquerdo e cruzou para Rony, que apareceu nas costas do adversário, mas não alcançou a bola. O atacante palmeirense, contudo, estava impedido na jogada.
As duas equipes voltaram para o segundo tempo sem alterações e criaram boas chances nos primeiros minutos. Aos três minutos, Lucena apareceu com perigo no ataque e finalizou por cima do gol de Weverton. A resposta do Palmeiras veio aos seis minutos, quando Gustavo Gómez cabeceou com perigo, por cima do gol.
Depois disso, o Palmeiras cresceu no jogo e pressionou até abrir o placar. Aos 13, Raphael Veiga chutou de fora da área e Jean fez boa defesa. No rebote, Danilo chutou em cima do goleiro novamente. O gol palmeirense saiu aos 15 minutos, quando Gustavo Scarpa cruzou na medida para Rony, que apareceu nas costas da zaga e cabeceou para o fundo do gol.
O Verdão seguiu em cima e conseguiu ampliar o placar em ótima jogada coletiva aos 23 minutos. Dudu fez boa tabela com Gustavo Scarpa, recebeu em profundidade dentro da área e tocou para Rony apenas empurrar para o gol vazio.
Depois disso, o ritmo do Palmeiras na partida diminuiu. Abel Ferreira promoveu as entradas de Gabriel Menino, Veron e Wesley nas vagas de Raphael Veiga, Scarpa e Dudu. Assim, os paraguaios ficaram mais com a bola, enquanto a equipe brasileira apostou mais nos contra-ataques. Foi na bola parada, porém, que os palmeirenses fecharam o placar, com Murilo, aos 41 minutos.

CERRO PORTEÑO 0 x 3 PALMEIRAS

CERRO PORTEÑO
Jean; Alberto Espinola, Alexis Duarte, William Riveros e Alan Rodríguez; Claudio Aquino (Vargas), Piris da Motta, Alan Benítez (Oviedo), Rafael Carrascal e Ángel Lucena (Giménez); Braian Samudio (Marcelo Moreno)
Técnico: Arce
PALMEIRAS
Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Murilo e Piquerez; Danilo, Zé Rafael (Luan) e Raphael Veiga (Gabriel Menino); Dudu (Wesley), Gustavo Scarpa (Gabriel Veron) e Rony (Rafael Navarro)
Técnico: Abel Ferreira
Local: Estádio General Pablo Rojas, em Assunção, no Paraguai
Data: 29 de junho, quarta-feira
Árbitro: Wilmar Roldan (COL)

Assistentes: Alexander Guzmán (COL) e Wilmar Navarro (COL)
VAR: Mauro Vigliano (COL)

Cartão amarelo: Espinola (Cerro Porteño); Gustavo Scarpa (Palmeiras)

GOLS: Rony, aos 15 e aos 23, e Murilo, aos 41min do 2ºT

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Villarreal acerta retorno do argentino Lo Celso por empréstimo

O meia argentino Giovani Lo Celso, que pertence ao Tottenham, retornou por empréstimo ao Villarreal, onde atuou por seis meses na última temporada.Depois de ficar no Villarreal até junho...

Acusado de estupro, lateral do Manchester City pode pegar prisão perpétua

O francês Benjamin Mendy, campeão mundial e acusado de diversos estupros na Inglaterra, foi apresentado nesta segunda-feira ao júri como um "predador" que abusava de vítimas "vulneráveis, aterrorizadas e...

Real Madrid vira sobre o Almería e estreia com vitória no Espanhol

Atual campeão nacional, o Real Madrid começou muito bem a edição 2022-2023 do Campeonato Espanhol. Neste domingo, o time comandado pelo técnico italiano Carlo Ancelotti viajou até a cidade...