Brasil registra primeiros casos de transmissão comunitária da varíola do macaco

A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de...

‘Arraiá do Aconchego’ reúne multidão no 1º dia em Candeias 

A reestreia do 'Arraiá do Aconchego' nesta quinta-feira...

MP diz que vai investigar denúncias a Fundação Doutor Jesus

O Ministério Público da Bahia (MP-BA) informou que...

O legado indigesto de Rui, o estresse do governador com a debandada, e o jabuti da ponte

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

O Legado
Chegando no semestre final do seu mandato, o governador Rui Costa (PT) tem se mostrado cada vez mais preocupado com o seu legado. Afinal, depois de 8 anos, como ele irá passar para os livros de história? Se depender de dados objetivos, Rui não vai deixar saudades. A Bahia hoje ocupa o último lugar na educação do país, lidera em analfabetismo e é campeã em desemprego e homicídios. Esse vai ser o legado de Rui registrado para sempre nos livros de história.

Triste fim
Quem conhece o governador de perto diz que ele sofre ao ver a avaliação pessoal minguar a cada nova pesquisa de opinião. Principalmente no interior do estado. Rui esperava terminar o mandato com grande prestígio até para poder se proteger dos inimigos, muitos do próprio PT, que adquiriu nos últimos 8 anos. Ao que parece terá um triste fim: sem partido, sem mandato e sem amigos.

Dor de cotovelo
Ainda sobre Rui Costa, as más línguas contam que ele se compara o tempo todo com o ex-prefeito ACM Neto, que encerrou o mandato com mais de 80% de aprovação e elegeu o sucessor com a maior votação entres as capitais brasileiras. “Isso dói na alma do governador. E é um dos motivos dele atacar ACM Neto com tanta frequência e virulência. Sofre de uma dor de cotovelo profunda”, explica um deputado da base governista. 

Massacre
Foi num desses arroubos que, ao ser entrevistado pela rádio Metrópoles essa semana, Rui disse que ACM Neto não havia feito nada pela capital baiana. O ataque do governador foi postado nas redes sociais de vários veículos de imprensa. O que se viu foi um verdadeiro massacre do político petista nos comentários dos seguidores. “Fez muito mais que você, senhor governador”, disse um seguidor. “Você ao invés de atacar faça o seu papel”, criticou outro. “Você, Rui, acabou com o ensino, acabou com o comércio, estourou todos os índices negativos de segurança”, destacou mais um leitor. “O desespero bateu e deu até amnésia no homem”, concluiu. Ao todo foram quase 2 mil comentários indignados com a declaração de Rui Costa.

O jabuti da ponte
A ponte Salvador-Itaparica ainda não saiu do papel, mas já tem um jabuti fazendo a travessia. Ao estilo de administração gambiarra, o governo enviou à Assembleia Legislativa uma pegadinha para redirecionar um empréstimo de 300 milhões de dólares, autorizado em 2016, ao custeio adicional da obra, que saiu da previsão inicial de R$ 5,4 bilhões para R$ 9 bilhões. A proposta chegou à Casa escondida dentro do PL 24.572/2022, que tem ementa com aparência inofensiva de tão somente alterar a estrutura de cargos em comissão na Secretaria da Fazenda (Sefaz).

O terror dos prefeitos
O governador Rui Costa foi informado nesta semana que uma prefeita da base governista decidiu pular do barco para apoiar ACM Neto. Irritado com a notícia, decidiu ligar para a gestora. Foram diversas chamadas não atendidas – a tal prefeita já sabia do que se tratava e não queria conversa. Após as ligações perdidas, ela atendeu ao petista, que a convidou para uma reunião na Secretaria de Relações Institucionais (Serin). Brava com a insistência reiterada, ela já chegou dizendo: “Nem sei o que estou fazendo aqui, mas vim em respeito ao senhor, que é governador”. Sem esconder a chateação, Rui perguntou se ela iria mesmo apoiar ACM Neto. Ela confirmou, e deixou o governador enfurecido. 

Fogo amigo
Quem não tá lá com muita moral é o vereador Geraldo Júnior (MDB), pré-candidato a vice de Jerônimo. A manobra dele para tentar sua segunda reeleição como presidente da Câmara de Salvador não é unanimidade nem mesmo no grupo governista, ao qual agora ele faz parte. O presidente da Assembleia, Adolfo Menezes (PSD), por exemplo, deu nesta semana uma declaração contrária à jogada do “Líder”. “Mesmo ele sendo parceiro hoje, eu não concordo (com a reeleição de Geraldo)”, disse Adolfo em conversa com jornalistas. 

Mais um revés
Geraldo sofreu também um revés em Camaçari. Por lá, ele tentava atrair para o grupo governista o presidente da Câmara, Júnior Borges. Mas o vereador camaçariense não só recepcionou ACM Neto, que recebeu o título de cidadão do município, como reafirmou o seu apoio ao ex-prefeito de Salvador.

Estresse elevado
A agressividade de Rui tem causado burburinho na Secretaria de Relações Institucionais do Estado (Serin). Fontes da coluna comentam que o secretário Luiz Caetano, a chefe de Gabinete Elisa Pellegrini e assessores da pasta têm comentado nos corredores que andam preocupados com o nível de nervosismo do chefe. 

Por trás da raiva
A chateação do governador deve ser explicada pelas sucessivas baixas de prefeitos que vem sofrendo em sua base aliada. Somente nos últimos dias, anunciaram apoio a ACM Neto os prefeitos de Itaberaba, Ricardo Mascarenhas (PP), de Rio de Contas, Dr. Cristiano (PSB) e de São Sebastião do Passé, Nilza da Mata (PP) – esta última ainda não anunciou oficialmente, mas já comunicou a Rui que vai apoiar Neto. Sem contar o prefeito de Tremedal, Zé Bahia (Podemos), que negou que irá apoiar Jerônimo, rebatendo informações divulgadas pelo governo. 

Surpresa
Sobre Dr. Cristiano, o apoio a Neto pegou de surpresa o núcleo duro do PT na Bahia. Cristiano estava, há cerca de 30 dias, em um PGP de Jerônimo. Nesta quinta-feira (16), não só recepcionou ACM Neto nas festividades do Santíssimo Sacramento como exaltou o ex-prefeito de Salvador.

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Bezerra apresenta na segunda proposta para compensar aumento do diesel

O Senado corre contra o tempo para conseguir aprovar, antes do recesso parlamentar de julho, uma proposta que diminua os impactos para a população do...

Leur Jr destaca favoritismo de ACM e diz que cenário não está decidido; ‘eleição é eleição’

O deputado federal e pré-candidato à reeleição Leur Lomanto Jr. (UB), destaca o favoritismo do pré-candidato ao Governo da Bahia, ACM Neto (UB)...
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com