‘Arraiá do Aconchego’ reúne multidão no 1º dia em Candeias 

A reestreia do 'Arraiá do Aconchego' nesta quinta-feira...

MP diz que vai investigar denúncias a Fundação Doutor Jesus

O Ministério Público da Bahia (MP-BA) informou que...

Altos-PI terá mudança para receber a visita do Vitória

O Altos-PI não poderá contar com o meio-campista...

Nem Camilla nem Eugenie! Quem são a nora e a neta favoritas da rainha

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

Com 96 anos e sete décadas de reinado, a rainha Elizabeth é a matriarca de três gerações da dinastia Windsor. O casamento dela com o falecido príncipe Philip rendeu bastante frutos — quatro filhos, oito netos e 12 bisnetos, até o momento. A árvore genealógica da realeza integra agregados, como as noras e os cônjuges da segunda linhagem. À frente de uma família grande, a majestade não esconde que tem entes favoritos.

Mais sobre o assunto Como a Coluna Claudia Meireles gosta de cavar curiosidades sobre a família real, resolveu ir atrás dos queridinhos da rainha, ou melhor, queridinhas. Em relação ao filho preferido, não é segredo que se trata do polêmico príncipe Andrew. No quesito nora predileta, a monarca elegeu Sophie Rhys-Jones, esposa do príncipe Edward. Desse matrimônio, surgiu a menina dos olhos de ouro da soberana, no caso, a neta Louise Windsor.

A nora dos sonhos? Detentora do título de condessa de Wessex e de nora mais estimada por Elizabeth, Sophie Rhys-Jones já foi gente como a gente ou, em outras palavras, uma plebeia. Atualmente com 57 anos, ela nasceu em uma família de classe média na cidade inglesa de Oxford. O pai dela, Christopher Rhys-Jones, trabalhou por anos como diretor de vendas para um importador de pneus, já a mãe, Mary O’Sullivan, atuou como secretária e liderou ações sociais.

Parece coincidência, mas Sophie traz DNA real nos genes por ser descendente do rei Henrique IV da Inglaterra — reinante na primeira década do século 15. Outra nobre ascendência está na relação de sua avó Margaret com a família Vizcondes Molesworth. Jornalista por formação, ela possui no currículo experiências como secretária e garçonete. Entretanto, o maior orgulho foi criar a própria agência de relações-públicas.

Sophie é conhecida como a nora favorita da rainha ElizabethRomance Batizada de RJH Public Relations, a agência funcionou como o cupido de Edward e Sophie. Por meio da empresa, engataram um romance que dura até hoje. Segundo a imprensa britânica, eles se conheceram em 1987, porém, o príncipe namorava uma amiga da futura esposa. Anos depois, em 1993, o caçula da rainha contratou os serviços da relações-públicas para promover um torneio de tênis beneficente.

De acordo com a imprensa, Sophie e Edward posaram juntinhos para uma foto promocional da competição. Quando começou a se relacionar com o príncipe, a jornalista sofreu com o escrutínio midiático. Ela teve a vida virada ao avesso. Do dia para a noite, a vida amorosa pregressa e alguns registros de topless da RP estamparam a capa dos tabloides, sem contar as comparações com a concunhada, a princesa Diana.

O clique certeiro resultou em casamento e dois herdeiros. Sophie e Edward subiram ao altar da Capela de São Jorge no Castelo de Windsor em junho de 1999. O pedido de noivado saiu seis meses antes. Ao entrar para a família real, a jornalista recebeu o status de condessa de Wessex. Fontes contaram que a profissional de comunicação desfrutava de privilégios antes mesmo de integrar o clã. Ela tinha um quarto próprio no apartamento do príncipe, dentro do Palácio de Buckingham.

O casório dos pombinhos ocorreu em 1999Maternidade Sophie é mãe de Louise Windsor e de James, o visconde de Severn. Antes da primogênita vir ao mundo em 2003, a jornalista sofreu um aborto, em dezembro de 2001. Ela teve uma gravidez tubária na qual o feto se desenvolveu fora do útero. Na gestação da primeira filha, a condessa de Wessex passou por apuros, inclusive, o parto cesáreo foi de alto risco. As duas só voltaram para casa após seis dias. O segundo herdeiro nasceu em 2007.

Por ser uma pessoa discreta e que gosta de ficar longe dos holofotes, Sophie é pouco conhecida pelos súditos. Com os problemas de saúde da rainha Elizabeth, os escândalos envolvendo os integrantes da realeza e a morte do príncipe Philip, a mãe de Louise e James saiu da toca nos últimos meses se tornando “uma espécie de porta-voz” do clã, conforme publicou o portal português Woman Life: “A nora preferida da rainha Elizabeth que tem dado a cara pela família real”.

Os duques de Wessex com os filhos Lady Louise Windsor e James, visconde de SevernA favorita Quando nasceu no Frimley Park Hospital, no condado inglês de Surrey, em 2003, Louise Alice Elizabeth Mary Mountbatten-Windsor não recebeu o título de princesa, mas sim de lady. “A mãe, a condessa de Wessex, foi levada às pressas para o hospital para dar à luz Lady Louise um mês antes. O príncipe Edward não estava ao lado da esposa durante o nascimento em razão de uma visita oficial às Ilhas Maurício”, anunciou a BBC.

“O nascimento de Lady Louise veio com algumas complicações devido a um descolamento da placenta, que causou perda severa de sangue tanto para a condessa Sophie quanto para a bebê”, escreveu a revista Town and Country. A menina veio ao mundo com um problema de visão, chamado de esotropia. A doença faz com que os pacientes tenham tendencialmente os olhos virados para dentro. Ela passou por duas operações oculares, uma com 18 meses de vida e outra em 2014.

A menina nasceu com um problema ocular, revertido após duas cirurgiasProximidade Segundo confidenciaram os informantes da Coroa, Louise conquistou o título de neta queridinha após uma longa estadia no retiro escocês da avó Elizabeth durante o verão de 2019. O episódio aproximou as duas, que colecionam uma paixão em comum: o amor por cavalos. Tamanho cuidado fez com que a jovem herdasse os póneis e a carruagem do avô paterno, o príncipe Philip. Ele morreu aos 99 anos em abril do ano passado.

Lady Louise Windsor tem paixão por cavalos assim como a mãe e a avó paterna, a rainhaLouise é uma grande fã dos animais e, por diversas vezes, exibiu as habilidades de equitação. Inclusive, ficou nas primeiras posições de concursos equestres. Atualmente com 18 anos, a detentora do estandarte de neta favorita da soberana ocupa a décima sexta colocação na linha sucessória do trono britânico. No ano passado, a jovem estudiosa concluiu a educação secundária, equivalente ao ensino médio no Brasil.

Em entrevista à BBC em 2016, Sophie Rhys-Jones revelou que Louise não sabia que a avó era rainha do Reino Unido. A menina descobriu em uma conversa na escola. Com a chegada da maioridade, a jovem tem ganhado maior protagonismo na dinastia Windsor. “Ela conseguiu ficar relativamente fora do radar até agora. Lady Louise está lentamente entrando no centro das atenções compartilhadas pelo restante de sua família”, destacou a Town and Country.

A jovem está com 18 anos. Na foto, ela está nas comemorações do Jubileu de Platina da rainha ElizabethPara saber mais, siga o perfil da coluna no Instagram.

O post Nem Camilla nem Eugenie! Quem são a nora e a neta favoritas da rainha apareceu primeiro em Metrópoles.

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Leur Jr destaca favoritismo de ACM e diz que cenário não está decidido; ‘eleição é eleição’

O deputado federal e pré-candidato à reeleição Leur Lomanto Jr. (UB), destaca o favoritismo do pré-candidato ao Governo da Bahia, ACM Neto (UB)...

Filipe Ret comemora banner na Times Square e revela cachê: “Tenho fé”

Filipe Ret lançou o seu mais novo álbum na última semana. Intitulado Lume, o trabalho do cantor alcançou números incríveis e figura na lista...
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com