Canela é uma verdadeira aliada da boa saúde; saiba mais!

Poucos alimentos beneficiam tanto o metabolismo e a saúde...

Primo de Wanessa Camargo diz que cantora e Dado Dolabella assumiram namoro

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Se para o grande...

Após determinação da Anvisa, Sesab diz que ainda não irá apreender lotes da losartana

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou,...

Aramari: TJ-BA aceita novamente denúncia contra prefeito por manter lixão

A 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça...

Líderes do agro no Oeste baiano costuram aliança para ampliar influência política do setor

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

Decididos a romper de vez o isolamento em relação aos demais polos ruralistas do estado, eixo da estratégia voltada a ampliar a influência política do setor, lideranças do agronegócio do Oeste da Bahia intensificaram as costuras para formar uma aliança unificada com produtores de outros territórios agrícolas de relevância econômica. Em especial, as regiões Sul, conhecida pela diversidade de culturas e pela alta produção de cacau, e Norte, gigante nacional da fruticultura irrigada no Vale do São Francisco. A estratégia é aumentar a musculatura para brigar por reivindicações comuns a todos e assegurar apoio mútuo em demandas específicas de cada polo.

Um por todos
A ofensiva para unir os grandes players da agricultura no estado dominou as conversas entre pesos-pesados do setor nos bastidores da Bahia Farm Show, em Luis Eduardo Magalhães. Embora o Oeste seja o mais pujante centro do agro baiano, a avaliação é de que, sozinho, ele não tem poder suficiente para impor pautas que interessam aos produtores locais.

Aumento muscular
Nas análises conjuntas, representantes do agronegócio no Oeste se disseram convictos de que chegou a hora de sair do casulo e construir pontes sólidas com porções do estado onde o campo é motor econômico e maior gerador de empregos na iniciativa privada. Além do Sul e do Norte, a ideia é agregar também regiões como o Sudoeste e a Chapada Diamantina, destaques na produção de café de qualidade superior. Para eles, a integração entre os polos garantirá força para pressionar políticos com base eleitoral na zona do agro a se empenharem na defesa do setor e gás extra para duelar, em pé de igualdade, com estados em que a agricultura possui influência considerável junto ao Congresso e ao governo federal.

Olhos acesos
Com o promotor baiano João Paulo Schoucair de malas prontas para tomar assento no Conselho Nacional de Justiça (CNJ), as atenções entre membros do Ministério Público do Estado se concentram agora em saber quem assumirá o lugar dele à frente do Gaeco, grupo especializado no combate ao crime organizado do MP. Por trás da expectativa em relação ao sucessor de Schoucair, está o controle da unidade sobre casos espinhosos de corrupção.

Água na fogueira
A polêmica em torno dos cachês milionários pago a estrelas da música sertaneja melou os planos do governo do estado para lucrar politicamente com o São João. Ou seja, despejar verbas públicas para vitaminar festas juninas no interior, em troca de apoio na sucessão e lugar na vitrine dos eventos bancados pela máquina estadual. Diante de tantas antenas ligadas, abrir o cofre para alimentar a gastança se tornou um risco inesperado.

Ponta de iceberg
Ao mesmo tempo, as revelações da cantora Anitta sobre a existência de um tipo de “rachadinha” nos contratos de prefeituras com artistas, exibidas ontem pelo Fantástico no rastro da chamada “CPI do Sertanejo”, podem desencadear uma série de investigações na Bahia. 

Desde 2020, estamos vendo os sinais que o povo baiano vem dando, inclusive nas urnas. Os ventos da mudança estão virando uma verdadeira ventania por todas as cidades do estado
Sandro Régis, deputado estadual da União Brasil e líder da oposição na Assembleia, ao comentar o apoio majoritário à candidatura do ex-prefeito ACM Neto nos 30 maiores colégios eleitorais da Bahia

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Fernanda Souza revela rotina e abre o jogo sobre namoro com Duda Porto

Fernanda Souza abriu o jogo sobre a sua rotina diária à revista Harper’s Bazaar e abriu o coração sobre o seu relacionamento com Eduarda...

Assédio na Caixa: ‘Ele me falou: ‘Vou te rasgar, vai sangrar”, diz vítima

São diversos os relatos de assédio sexual cometidos pelo presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Duarte Guimarães. Funcionárias do banco, que escolheram denunciar o...

‘Parlamento não pode ficar a serviço do jogo eleitoral’, diz Marcos Rogério sobre CPI do MEC

Com a assinatura de 31 senadores, o pedido de instauração da CPI do MEC, que visa apurar as denúncias de corrupção no Ministério da...
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com