MP-BA cria grupo para enfrentamento da varíola dos macacos e cobra ações do Lacen

O Ministério Público da Bahia (MP-BA) criou um...

Goleiro Bruno é condenado por não pagar pensão ao filho e voltará à prisão

O goleiro Bruno recebeu, nesta quarta-feira (10), mais...

Bruno Reis enaltece trajetória de Zé Ronaldo na política

Após ACM Neto, candidato ao Governo do Estado...

STF vai levar elegibilidade de Ivo Cassol para plenário virtual

Os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) vão apreciar...

Justiça julga greve dos ônibus como abusiva e determina retorno em SP

Escrito por Redação

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

O Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT-2) avaliou a greve dos motoristas e cobradores de ônibus em São Paulo como abusiva e determinou o retorno imediato dos trabalhadores nesta quarta-feira, 29. De acordo com o desembargador Davi Furtado Meirelles, caso os servidores não encerrem a paralisação, “a multa passa a ser dobrada por cada dia de atraso, estando o sindicato patronal autorizado a descontar o dia trabalhado”. O TRT também decidiu que haverá um pagamento de multa de R$ 100 mil em decorrência da abusividade da greve – que ocorreram nos dias 14 e nesta quarta – e a multa diária para o não cumprimento da decisão judicial terá o mesmo valor. As instituições O Arcanjo, do padre Julio Lancellotti, e Associação Beneficente Benedito Pacheco – que prestam assistência a pessoas em situação de vida – receberão o valor das multas a serem pagas. “Dá para deixar menos penalizada a população de São Paulo neste momento”, argumentou o desembargador, que declarou esperar que a paralisação se encerre de maneira “tranquila”.

Entenda o caso

Duas semanas atrás, a categoria realizou a primeira greve dos coletivos em São Paulo e, desde então, o sindicato reivindica o pagamento de Plano de Lucros e Resultados (PLR) e a hora de almoço remunerada. Motoristas e cobradores de 713 linhas de ônibus que circulam pela capital paulista pararam suas atividades por 16 horas no último dia 14. Houve uma suspensão da paralisação após os servidores conseguirem 12,47% de reajuste nos recebimentos dos trabalhadores, retroativos a maio.

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Ciclone extratropical: o que é o fenômeno que causa chuvas e ventania

Um ciclone extratropical, fenômeno meteorológico responsável por causar fortes chuvas e ventos atua nesta semana em parte do Brasil, com os efeitos mais fortes entre 10 e 11 de...

Defesa Civil alerta para quedas de temperatura e ventania em São Paulo

A Defesa Civil de São Paulo, por meio do Núcleo de Gerenciamento de Emergência, emitiu, nesta semana, alerta para baixas temperaturas e fortes ventos nesta quarta-feira, 10, e quinta-feira,...

Em SP, moradores do Jabaquara denunciam aumento de assaltos

Moradores do bairro do Jabaquara, localizado na Zona Sul de São Paulo, denunciaram à Jovem Pan News uma situação de medo e insegurança com o aumento de crimes na...