Mulher mata marido asfixiado e chama a polícia para se entregar

Um homem de 51 anos foi morto asfixiado pela...

Protestos no Equador já duram mais de duas semanas e causaram mais de R$ 500 milhões em prejuízos

Os milhares de manifestantes indígenas que seguem mobilizados em...

Tropicalismo, parceria com Caetano e governo Lula: Relembre a carreira e os 80 anos de Gilberto de Gil

Neste domingo, 26, Gilberto Gil, completa 80 anos. Bom...

Marcus D’Almeida faz história e conquista medalha de ouro inédita no Mundial de Tiro com Arco

Marcus D’Almeida brilhou na manhã deste domingo, 26, ao...

Gestores de 52 cidades do Nordeste e Sudeste fazem capacitação da ONU

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

Gestores e servidores municipais de 52 cidades do Nordeste e Sudeste começaram nesta segunda-feira (13) uma capacitação para aprimorar habilidades de desenvolvimento urbano regional.ebcebc

A ação é parte do projeto “G52: Rede de Cidades-Polo do Nordeste”, que é organizado pela Sudene – Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste, junto com a ONU-Habitat e PNUD, Programas das Nações Unidas para os Assentamentos Humanos e para Desenvolvimento.

O conteúdo do projeto foi estabelecido para atender aos desafios dos municípios, estabelecidos por meio de questionários e reuniões com pontos em comum.

O objetivo é ajudar na solução de problemas compartilhados, como a falta de alternativas ao financiamento para projetos municipais, por exemplo, as operações urbanas consorciadas.

Segundo Rayne Ferretti Moraes, oficial nacional do ONU-Habitat para o Brasil, esse é o caso de muitas cidades médias e pequenas, com poucas experiências administrativa, mas ainda há outros exemplos de falta de compatibilização de planos municipais.

Os municípios participantes do projeto são os nove estados nordestinos, incluindo as capitais, mas também de cidades no Espírito Santo e em Minas Gerais. Esses municípios são considerados cidades-polo por causa da influência que exercem em suas regiões segundo critérios do IBGE. 

Os municípios inscreveram até três servidores em cada um dos módulos, com incentivo especial para participação de gestores mulheres, negros, indígenas e com deficiência. De acordo com Rayne Ferretti, ainda há uma discrepância na participação política e institucional desses gestores.

A capacitação vai acontecer em quatro etapas de cinco dias de duração cada e estão programadas até o dia 15 de julho.

Política São Luís (MA) 13/06/2022 – 12:29 Sâmia Mendes / Guilherme Strozi Gabriel Correa – Repórter da Rádio Nacional ONU Pnud Sudene Nordeste Sudeste segunda-feira, 13 Junho, 2022 – 12:29 135:00

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com