Devido orientação médica, Os Barões da Pisadinha cancelam shows em municípios da Bahia

A banda Os Barões da Pisadinha precisou cancelar...

Justiça condena ginecologista a 16 anos de prisão por abusar pacientes em consultas

A 1ª Vara Judicial da Comarca de Canguçu...

Autor do gol, Diego Torres vibra com vitória do Novorizontino sobre o Bahia

O Novorizontino surpreendeu o Bahia e venceu o...

França e Espanha vivem ondas de calor aceleradas pela crise climática

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – As vizinhas França e Espanha assistem a uma onda de calor nos últimos dias, intensificada pela emergência climática, que pode levar a picos de 40 °C e já tem desencadeado incêndios.

Cerca de um quarto do território francês está sob vigilância nesta quinta (16), e a expectativa é que os termômetros atinjam 40°C, após dias de temperaturas entre 30 °C e 35 °C. A cidade de Bordeaux instalou nebulizadores em locais apelidados de “fornos”, e Lyon ampliou o horário de funcionamento de parques.

Segundo o meteorologista Olivier Proust, do serviço nacional de meteorologia, além da crise do clima, a recente onda tem origem no estado do solo após uma primavera e um inverno muito secos na região.

Trata-se da quarta vez que o esquema de zonas vermelhas de vigilância é adotado por Paris desde 2003, quando o sistema foi implementado depois de uma onda de calor histórica que, de acordo com dados do jornal Le Monde, causou a morte de mais de 15 mil pessoas, em especial idosos, no país.

Na Espanha, onde os termômetros já bateram 40 °C em algumas localidades, a situação é ainda mais preocupante. Três incêndios florestais devastaram 1.600 hectares de pinheiros e arbustos no leste do país desde quarta. Centenas de bombeiros tentam controlar as chamas com mais de 120 caminhões e 19 aeronaves em Baldomar, Corbera d’Ebre e Castellar Ribera, segundo os bombeiros da Catalunha.

A Agência Estatal de Meteorologia projeta que a onda de calor deva durar até o próximo sábado (18). A Espanha assistiu ao mês de maio mais quente desde o início do século e já passou por quatro episódios de ondas de temperatura extrema nos últimos dez meses.

Esta, no entanto, foi considerada a primeira onda de calor no país em cerca de 40 anos. Meteorologistas disseram que a sensação térmica poderia ser agravada devido à presença de areia no ar vindo do Saara.

Até o início do mês, a área queimada no país era 34% menor que a registrada no mesmo período de 2021 e a menor desde 2018. Mas, desde a última semana, a combinação de clima quente e vento multiplicou os incêndios no território espanhol. Mesmo as temperaturas noturnas são elevadas, entre 20 °C a 25 °C.

Ainda assim, centenas de fiéis e turistas lotaram Toledo nesta quinta para participar da tradicional procissão de Corpus Christi, com termômetros quase chegando a 40 °C durante o evento. A prefeitura entregou dez mil garrafas de água aos cidadãos e colocou lonas para protegê-los das altas temperaturas.

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Polícia turca prende cerca de 200 pessoas durante a Marcha do Orgulho LGBTQIA+ de Istambul

A Marcha do Orgulho LGBTQIA+ deste domingo, 26, em Istambul foi vista como em outros anos violentamente perturbada pela polícia turca, que prendeu cerca...

Mais de 20 adolescentes morrem misteriosamente em bar clandestino da África do Sul

Pelo menos 21 adolescentes foram encontrados mortos em um bar noturno em um bairro de periferia majoritariamente negro na cidade sul-africana de East London,...
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com