Thaciano volta ao Grêmio e ficará disponível a partir de 18 de julho

O volante Thaciano, ex-Bahia, está de volta ao...

Ex-BBB Carla Diaz relembra diagnóstico de câncer: “Precisei me fechar”

A atriz Carla Diaz usou as redes sociais na...

Consórcio que administra Maracanã proíbe faixas do Vasco

O consórcio Maracanã, que administra o estádio, impediu...

Com reajuste de combustíveis Petrobras pode mergulhar o Brasil num caos, diz Bolsonaro

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

O possível novo reajuste no preço dos combustíveis, que deve ser anunciado nesta sexta-feira (17) pela Petrobras (veja aqui), causou reação do presidente Jair Bolsonaro. Nas redes sociais, o presidente condenou a estatal pelo provável aumento.

“O Governo Federal como acionista é contra qualquer reajuste nos combustíveis, não só pelo exagerado lucro da Petrobrás em plena crise mundial, bem como pelo interesse público previsto na Lei das Estatais”, escreveu Bolsonaro em sua conta no Twitter.

“A Petrobrás pode mergulhar o Brasil num caos. Seus presidente, diretores e conselheiros bem sabem do que aconteceu com a greve dos caminhoneiros em 2018, e as consequências nefastas para a economia do Brasil e a vida do nosso povo”, acrescentou o presidente.

O Conselho de Administração da Petrobras aprovou, na quinta-feira (16), o aumento de gasolina e diesel. A reunião que decidiu o reajuste aconteceu durante o feriado, em convocação de emergência.

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Após bug em foto de Lula, bolsonaristas sugerem edição e petista apresenta ‘prova’

Um bug (erro) gerado por um recurso de fotografia gerou uma teoria da conspiração entre os eleitores do presidente Jair Bolsonaro neste sábado...

Consórcio que administra Maracanã proíbe faixas do Vasco

O consórcio Maracanã, que administra o estádio, impediu o Vasco de exibir faixas institucionais na partida contra o Sport, pela 15ª rodada da...

Lula sobre PEC Kamikaze: ‘Igual sorvete: chupou, acabou’

 Em viagem a Salvador, Bahia, neste sábado (2/7), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) criticou a Proposta de Emenda à Constituição (PEC)...