Landim diz que Flamengo terá estádio com capacidade para 100 mil pessoas: ‘Maracanã é para jogo pequeno’ 

Rodolfo Landim, presidente do Flamengo, afirmou que o clube...

Mercado eleva para 2% estimativa do PIB este ano, a sétima alta consecutiva

Retomando as avaliações positivas para a economia brasileira, o...

Marcola e PCC: visitas ao chefe da facção revelam plano de fuga e conselhos ao filho

O líder da facção criminosa Primeiro Comando da Capital...

Aras publica vídeo antigo em que minimiza judicialização das eleições: ‘Quem ganhar vai tomar posse’

O procurador-geral da República, Augusto Aras, afirmou em vídeo...

Repórter da Jovem Pan questiona Paulo Cupertino sobre morte de Rafael Miguel; assista

Escrito por Redação

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

Paulo Cupertino, acusado de matar o ator Rafael Miguel, em junho de 2019, foi detido nesta segunda-feira, 16, em São Paulo. A Jovem Pan News falou com comerciante logo após a prisão, no Palácio da Polícia Civil, no centro da capital paulista. O repórter Maicon Mendes gravou o momento e questionou Cupertino sobre o crime. “Lá embaixo você diz que não participou, que você não praticou esse crime. Eu queria saber da sua versão desse momento.” Ele parecia incomodado e preocupado, preferiu ficar com a cabeça baixa e não respondeu as perguntas da reportagem. “A sua filha fez um pronunciamento agora há pouco dizendo que está aliviada com a sua prisão. Você não quer fazer nenhuma declaração?”, insistiu Mendes. Cupertino, no entanto, se manteve em silêncio até os policiais o levarem para outra sala. Assista ao vídeo abaixo.

Cupertino estava foragido desde junho de 2019, quando atirou 13 vezes contra Rafael e seus pais, João Alcisio Miguel e Miriam Selma Miguel, na zona sul de São Paulo, e fugiu. De acordo com o Ministério Público, ele teria cometido o crime por não aceitar o relacionamento de sua filha, Isabela Tibcherani, à época com 18 anos, com o ator. Cupertino era o número um na lista de procurados pela polícia de São Paulo. Sua filha, Isabela Tibcherani, utilizou as suas redes sociais para comentar a prisão do pai. “Fui informada do ocorrido. Não consigo falar muito respeito agora, mas quero agradecer a todas a mensagens e todo apoio. É uma mistura muito grande de sentimentos e agora preciso de espaço”, disse.

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Marcola e PCC: visitas ao chefe da facção revelam plano de fuga e conselhos ao filho

O líder da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC), Marco Willians Herbas Camacho, popularmente conhecido como Marcola, passou a ser alvo de investigações da Polícia Federal após o...

STF retoma análise sobre mudanças na Lei de Improbidade na quarta-feira e julgamento mobiliza MP

Em meio à campanha política, o Supremo Tribunal Federal (STF) deve retomar nesta quarta-feira, 17, o julgamento sobre a constitucionalidade de algumas alterações promovidas pela Nova Lei de Improbidade...

Policial militar é morto com tiro na cabeça no Rio de Janeiro

No domingo de Dia dos Pais, 14, mais um policial militar do Rio de Janeiro foi morto baleado em serviço. O sargento Nelcir de Paula Jacobino, de 53 anos,...