Com suspeita de lesão na coxa, Rodrigão é dúvida no Vitória para enfrentar o São José-RS

O atacante Rodrigão é dúvida no Vitória para...

Paraná Pesquisas/ BN: Na Bahia, Lula tem 49,8% dos votos e Bolsonaro 26,5%

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT)...

Após o DF, João Pessoa, Porto Alegre, SP e BH vão receber 5G

O Distrito Federal vai servir de piloto para a...

Timemania 1804 sorteia hoje (5/7) R$ 43 milhões

A Caixa sorteia nesta terça-feira (5/7), às 20h, a...

Novo centro de convivência vai atender 200 crianças no Subúrbio

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

Uma nova unidade da Fundação Cidade Mãe (FCM) foi inaugurada na região do Subúrbio, nesta segunda-feira (16). O Centro de Convivência Socioassistencial (CCS) Jardim Primavera está localizado na Rua São João, s/n.

A unidade foi instalada através de um convênio firmado com a Igreja Batista Jardim Primavera, responsável pelo espaço. A estrutura conta com dois andares, refeitório, sala de coordenação, quatro salas de atividades, copa, laboratório de informática e banheiros.

O CCS Jardim Primavera atenderá crianças e adolescentes com idades de 7 a 17 anos, e oferecerá oficinas de música, dança, informática, reforço de português e matemática no contraturno escolar, além de curso de auxiliar administrativo. O investimento anual para as atividades é de R$ 990 mil. 

“Vamos atender 200 delas, que terão educação em tempo integral, vindo pra cá no contraturno das aulas, aprender o complemento do que têm acesso na escola. Costumo dizer que ao mudar a cidade, mudamos a vida das pessoas. E com um equipamento como este, mudamos a vida das crianças”, destaca Bruno Reis.

Ao todo, Salvador já possui seis Centros de Convivência Socioassistencial, instalados em Brotas, Chapada do Rio Vermelho, Piatã, Periperi e Saramandaia, além do Jardim Primavera. Com isso, o número será ampliado de 1.140 para 1.340 crianças e adolescentes em situação de risco social que realizam atividades na FCM.

Além das CCS, a Fundação Cidade Mãe também possui as Unidades de Acolhimento Institucional (UAI), destinadas a crianças e jovens afastados provisoriamente do convívio familiar por determinação judicial. Estas estruturas funcionam no Bonocô, Jardim Baiano, Matatu e Jardim das Margaridas.

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Luva de Pedreiro abre o jogo sobre situação financeira: ‘Devendo até 70 conto’

A relação entre o baiano Iran Santana, conhecido como Luva de Pedreiro, e o seu antigo empresário, Allan Jesus, foi assunto nas redes...

Lulu Santos é recebido com música e aplausos em restaurante de Salvador; vídeo

Após lotar a Concha Acústica do Teatro Castro Alves neste domingo (3) com o show “Alô, Base”, que comemora seus 40 anos de...

Ivete não fará a virada do ano em Salvador, confirma Bruno Reis

Após alguns anos fazendo a virada do ano em Salvador, a cantora Ivete Sangalo não vai fazer a contagem regressiva para receber o...