PGDF divulga lista de desempate em concurso para técnico e analista

A Procuradoria-Geral do Distrito Federal (PGDF) divulgou, na manhã...

Após par romântico em novela, Glória Pires posa ao lado de galã

Um reencontro pegou o público de surpresa, nessa terça-feira...

A lista de aparelhos compatíveis com o 5G

A partir da zero hora, desta quarta-feira, entrou em...

Carro invade ponto de ônibus, atropela quatro e mata um

 Um carro bateu contra um ponto de ônibus em...

Detran e SAC vão exigir comprovante de vacinação para atendimento presencial

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

Os atendimentos presenciais no Departamento Estadual de Trânsito (Detran) e no Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) estarão liberados, a partir do 1º de dezembro, somente para quem comprovar que tomou a vacina contra a Covid-19. A visitação social às unidades de saúde e às unidades prisionais do Estado também fica condicionada, a partir de 1º de dezembro, à vacinação.

A medida será publicada em decreto no Diário Oficial do Estado deste sábado (20). A vacinação com as duas doses ou em dose única será comprovada mediante a apresentação do documento fornecido no momento da imunização ou do Certificado Covid, obtido por meio do aplicativo ‘Conecte SUS’, do Ministério da Saúde.

Para garantir o cumprimento do decreto nº 20.894, as medidas adotadas pelos órgãos municipais de Vigilância Sanitária serão acompanhadas pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), através da Diretoria da Vigilância Sanitária, e apoiadas pela Secretaria da Segurança Pública (SSP), por meio da Polícia Militar e da Polícia Civil.

O decreto mantém autorizados, até o dia 30 de novembro, os eventos e as atividades com até 3 mil pessoas, incluindo aqueles com venda de ingressos. Permanece obrigatória a comprovação da imunização contra a Covid-19 por todos os envolvidos nos eventos: artistas, público, equipe técnica e colaboradores. Também devem ser respeitados os protocolos sanitários, especialmente o distanciamento social e o uso de máscaras.

A presença de torcedores em eventos desportivos segue liberada, desde que não ultrapasse 70% da capacidade dos equipamentos esportivos. Os torcedores precisam comprovar que tomaram as duas doses da vacina contra Covid-19 ou a dose única. O distanciamento social e o uso de máscaras são obrigatórios.

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

SAJ: Casos ativos de Covid explodem após festejos juninos e aumentam mais de 1,6 mil%

Os números de Covid-19 em Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo, escalaram após os festejos juninos. A cidade que registrava 55 casos ativos,...

Itabuna: Polícia aponta 4 acusados em morte de motorista de aplicativo

A Polícia Civil de Itabuna, no Sul, informou nesta segunda-feira (4) que concluiu o inquérito que apura a morte do motorista de aplicativo...

Vitória da Conquista: Presidente da Câmara assume como prefeito após férias de gestora

O presidente da Câmara de Vereadores de Vitória da Conquista, no Sudoeste, Luís Carlos Dudé (MDB), atuará como prefeito interino do município até...