Na luta contra o rebaixamento, VP do Brasil de Pelotas mostra preocupação com arbitragem

O Brasil de Pelotas encara o Vitória, no...

Com paz selada em reunião, Bolsonaro confirma presença em posse de Moraes no TSE

O presidente Jair Bolsonaro (PL) confirmou que irá...

RJ: polícia apreende uma tonelada de droga durante operação na Maré

Rio de Janeiro- Uma operação conjunta entre Polícia Militar...

Foto de gato selvagem caçando flamingo ganha prêmio de imagens de natureza; veja outras premiadas

A imagem impressionante de um lince-do-deserto (ou caracal) caçando...

Imagens do sistema de segurança mostram crime sexual do diretor da Câmara de Caravelas

Escrito por Redação

Publicado em:

Compartilhe esse artigo
Jorge Murilo Barata Caetano (57 anos) foi preso na última terça-feira (29), acusado do crime de estupro de vulnerável, previsto no artigo 217-A do Código Penal, por praticar ato libidinoso com menor de 14 (catorze) anos.
O crime cometido por ele foi filmado nas câmeras de segurança, instaladas no estabelecimento do pai do garoto. As imagens mostram o acusado abrindo o zíper da calça para mostrar o órgão sexual e pedir ao adolescente, de 13 anos de idade, para pôr a mão e fazer carícias.
Observado à distância por um vizinho, ele [Jorge Murilo] fechou o zíper, mas não afastou a lascívia e o desejo de praticar ato libidinoso com o adolescente, o convidando o menino para ir à sua casa levar uma água. Inconformado com a situação, o jovem contou à família, que armou um flagrante, quando o jovem estava na casa do acusado.
Essa não teria sido a primeira vez. Segundo o garoto, Jorge Murilo já fazia isso desde o ano 2019, quando eles estavam num sítio no Assentamento Rosinha do Prado. Naquela data, o acusado teria se aproximado, aberto o zíper e colocado o pênis para fora, convidando o menino à pegar. Mesmo negando, ele teria pegado uma das mãos do adolescente para acariciar o órgão sexual.
Flagranteado pelo Delegado Titular da Polícia Civil de Caravelas, Dr. Marcos Antônio, o acusado segue detido na carceragem da 8ª Coordenadoria da Polícia (Coorpin) de Teixeira de Freitas.
Até o último mês de maio, segundo dados obtidos junto ao Tribunal de Contas dos Municípios do estado da Bahia (TCM/BA), Jorge Murilo Barata Caetano atuava como Diretor Administrativo na Câmara de Vereadores de Câmeras, com salário de R$ 6.908,90.
Com fotos e informações de Bahiaextremosul

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Prefeitura de Caravelas e Caixa Econômica firmam parceria para facilitar liberação de crédito rural

Essa iniciativa visa o incentivo à ampliação, diversificação e comercialização de produtos na agricultura e na pecuária, em todo o município de Caravelas. A oferta de crédito varia de R$...

Homem é preso depois de dar 12 facadas na companheira em Caravelas

Um homem de 42 anos foi preso em flagrante depois de dar 12 facadas na companheira, na cidade de Caravelas, no sul da Bahia. O crime aconteceu na terça-feira...

Caravelas sedia evento com serviços de saúde para todos os municípios do extremo sul

A feira de saúde acontece nesta sexta e sábado, dias 29 e 30, com atendimentos realizados em carretas estacionadas na Rua do Porto, no Centro, em Caravelas. Os primeiros pacientes...