Veja os adversários do Vitória no quadrangular final da Série C

O Vitória já conhece seus adversários no quadrangular...

Público lota Salão Nobre da Ufba em reabertura após um ano de restauro

Depois de um ano e dois meses de...

Cruzeiro x Chapecoense: veja as fotos do duelo no Mané Garrincha

Veja as fotos da partida entre Cruzeiro e Chapecoense,...

Governador sanciona lei que institui o Plano Estadual de Juventude

Escrito por Redação

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

A garantia do acesso à educação pública de qualidade, saúde, qualificação profissional, cultura, lazer, esporte, tecnologia de informação e de tudo o que está relacionado aos direitos juvenis agora é uma política de Estado. Em cerimônia realizada na Governadoria, o governador Jaques Wagner sancionou, nesta quinta-feira (17), a lei que instituiu o Plano Estadual de Juventude na Bahia.

governador sanciona lei juventude

O presidente do Conselho Estadual da Juventude, Juremar Oliveira, explica o que mudou com a iniciativa. “Com essa lei, podemos romper o que nós chamamos de invisibilidade da juventude para as políticas públicas. As prefeituras, por exemplo, vão começar a ter outro olhar sobre o pensar a juventude, buscando garantir o trabalho, emprego, saúde, esporte e tudo o que os jovens precisam. É uma forma de respeito à história que a juventude brasileira tem de mobilização política, de batalha pela transformação da sociedade e pela conquista de direitos”.

Segundo o coordenador de políticas de juventude da Secretaria das Relações Institucionais (Serin), Vladimir Costa, o plano foi construído durante a 1ª Conferência da Juventude, que mobilizou 60 mil jovens. “O Governo do Estado, juntamente com o Conselho Estadual da Juventude, sistematizou estas reivindicações. Na 2ª Conferência Estadual da Juventude, atualizamos este plano, elegendo as prioridades de execução por territórios de indentidade. A Bahia é um dos únicos estados que têm uma lei específica para a juventude”.

Plano: A aprovação do plano na Assembleia Legislativa no início de novembro foi resultado de uma intensa mobilização juvenil, que começou com a I Conferência Estadual, realizada em 2008, e culminou em outubro deste ano com a II Conferência Estadual da Juventude, que reuniu durante três dias, na Escola Parque, em Salvador, mais de dois mil jovens de todas as regiões do estado.

A realização da Conferência Estadual mobilizou mais de 60 mil jovens em cerca de 250 encontros municipais e 26 territoriais, além de contar com uma conferência dirigida a jovens em cumprimento de medida sócioeducativa e outra aos povos e comunidades tradicionais, que reúnem indígenas e quilombolas, entre outros agrupamentos.

A conferência estadual elegeu 42 delegados para representar a Bahia no encontro nacional, em Brasília. Duas vagas ficaram com jovens em cumprimento de medida socioeducativa e três para as comunidades e povos tradicionais.

.

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jovens do Adolescente Aprendiz de Prado estão inseridos no mercado de trabalho

Muitos estabelecimentos comerciais de Prado estão oferecendo os serviços de jovens participantes do Programa Adolescente Aprendiz. Uniformizados com a identificação do programa, eles estão nos restaurantes e noutros...

Jovens do Adolescente Aprendiz do Prado visitam Parque Nacional do Descobrimento

Dezenas de adolescentes do município do Prado participam de atividades culturais, históricas e socioeconômicas, como parte dos objetivos propostos pelo Programa Adolescente Aprendiz, que atende aos jovens com idade...

APAE do Prado recebe arrecadação do Motoclube Constituintes

A APAE de Prado recebeu na tarde desta segunda-feira, 30, a doação de alimentos que foram arrecados entre os dias 20 e 21 de setembro no evento do...