Acordar na madrugada para comer pode ser distúrbio de sono, diz médica

Acordar no meio da noite para revirar a geladeira...

James Hetfield, vocalista do Metallica, se divorcia

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - James Hetfield, vocalista da...

Nova Viçosa: Vice-prefeito segue hospitalizado; prefeitura corrige informação

O vice-prefeito de Nova Viçosa, no Extremo Sul,...

Bellintani diz que negociação da SAF do Bahia está em fase de “detalhamento jurídico”

O presidente do Bahia, Guilherme Bellintani, afirmou, nesta...

Localizado homem que se afogou no Jucuruçu

Escrito por Redação

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

PRADO – Por volta das 22:00 horas, desta segunda-feira (14), populares localizaram o corpo do trabalhador braçal que estava desaparecido desde a tarde do último domingo (13), após afundar nas águas do Rio Jucuruçu.

afogamento_1

CLERES GABRIEL ALVES (30 anos, residente à Rua Olimpio da Cunha Marcial, centro de Prado) saiu por volta das 15:00 horas, do último domingo, para lavar pratos e tomar banho às margens do Rio Jucuruçu. Ele estava acompanhado de uma mulher. Populares que se aglomeraram na cena do afogamento indagaram a possibilidade de uma discussão possa ter feito sua companheira o empurrar para o rio. No momento em que a equipe do PrimeiroJornal esteve no local, a mulher estava bastante alterada pelo consumo de bebida alcoólica, narrando que a vítima, mesmo sem saber nadar, mas instigado por outras pessoas, teria pulado da ponte – que dá acesso à Rodovia BA-290, ligando a cidade Prado à Alcobaça – e afundado nas águas do Jucuruçu. É possível que ele também tenha consumido álcool e, por ter diminuída a percepção, tenha sido tragado pelo rio. Um princípio de busca, no entorno da vegetação, tentou localizar o trabalhador braçal, há poucos instantes depois de seu afogamento, mas devido à fúria das correntezas, ele acabou dominado e arrastado pelo Jucuruçu.

curiosos_afogamento

Assim que a vítima foi localizada, às margens do Píer da Colônia de Pescadores de Prado, uma guarnição do 4º Pelotão de Polícia Militar resguardou a cena e providenciou os procedimentos legais. O corpo foi removido, por Darlon da Funerária Prado, para o Instituto Médico Legal (IML) de Itamaraju.

rio_jucuruu

O Rio Jucuruçu é famoso por encerrar a vida de muitos pradenses e turistas e ainda continuar colecionando vidas. A preocupação com a segurança e o respeito ao rio está presente, mesmo nos mais experientes pescadores e mergulhadores. Em certos pontos do Jucuruçu, a profundidade das águas é superior à dezenas de metros e a força das correntezas é muito grande.


.

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Bombeiro de Minas Gerais morre afogado em praia no município do Prado

O afogamento aconteceu na tarde deste sábado (19), na Praia das Ostras, localizada no litoral pradense. O corpo foi encontrado horas depois, na Praia da Paixão, também na faixa...

Djean Avelar morre afogado no Rio Caravelas

Degean Avelar Passos ( 39 anos) desapareceu nas águas do Rio Caravelas na tarde deste sábado (12). O afogamento aconteceu durante um passeio de caiaque. O corpo foi encontrado por pescadores,...

Localizado no mar corpo que pode ser do professor desaparecido em Prado

O corpo foi localizado por equipes do 18° Grupamento de Bombeiros Militar (18°GBM/Teixeira de Freitas) no final da manhã deste domingo (26), na região da Lagoa Grande, litoral do...