‘Ranço da Faria Lima com PT já diminuiu 90%’, diz empresário que se reuniu com Lula

Líder nas pesquisas de intenção de voto para a...

Incêndio na Santa Casa de BH: técnica de enfermagem deixa o CTI

Após dar entrada em estado grave no CTI do...

Christophe Galtier, novo técnico do PSG, pede permanência de Neymar: ‘Está entre os melhores do mundo’

Apresentado como substituto de Maurício Pochettino no Paris Saint-Germain,...

Senadores e especialistas criticam PEC da Embaixada

A PEC que permite parlamentares chefiarem embaixadas ou missões...

Lancha Patrulha entra em operação e reforça a fiscalização no extremo sul da Bahia

Publicado em:

Compartilhe esse artigo

O novo equipamento disponibilizado pelo Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) integra agora a frota do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), e veio reforçar a fiscalização ambiental e pesca predatória no Complexo dos Abrolhos.

foto_3

A lancha possui  12 metros e foi custeada pelo Governo Federal no valor de R$ 1,3 milhão. Sua capacidade chega a mais de 60 quilômetros por hora. O barco também conta com equipamentos que facilitam a fiscalização da costa marítima, além de recursos que permitirão aos fiscais passarem mais de um dia no mar.

foto_2

A lancha rápida foi uma grande aquisição, pois viabiliza ações conjuntas entre os órgãos de fiscalização no combate a pesca predatória e na proteção das unidades de conservação do Complexo dos Abrolhos, região com a maior biodiversidade marinha registrada no Atlântico Sul e uma das principais áreas pesqueiras do estado da Bahia.

foto_1

Nesta quinta-feira, 27, servidores do ICMBio e policiais militares realizaram mais uma ação conjunta  de fiscalização e combate a pesca irregular nos municípios do extremo sul da Bahia e nos limites das Reservas Extrativistas do Corumbau, Cassurubá e Parque Nacional Marinho dos Abrolhos a bordo da nova embarcação.

foto_4

O resultado da ação foi a apreensão de uma embarcação que encontrava-se exercendo a pesca subaquática sem licença. Foram apreendidos também 82 quilos de pescado, um compressor e demais petrechos de pesca que estavam sendo utilizados em desacordo com a legislação. O pescado foi doado para duas entidades beneficentes de Prado.

Equipe RESEX Corumbau: [email protected], [email protected]
[email protected]. (73) 3298-2592 / 8844-0243 / 9131-3769


.

O que você achou desse assunto?

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Comitiva de Medeiros Neto visita Caravelas para conhecer trabalho ambiental realizado no município

A visita aconteceu nesta sexta-feira (19). O objetivo foi conhecer o trabalho realizado com a gestão ambiental de resíduos sólidos e a experiência com...

Cobra é resgatada em Itamaraju

O animal, que é da espécie jiboia, medindo, aproximadamente, um metro e meio, apareceu no bairro Beira Rio, próximo ao Rio Jucurucu, em Itamaraju. A...

Saruê é capturado e solto em área florestal de Itamaraju

Um saruê macho foi resgatado nesta terça-feira (23) na periferia de Itamaraju por ativistas do Gads (Grupo de Apoio ao Desenvolvimento Social). Segundo populares,...