Levantamento das famílias vítimas das fortes chuvas
Mais de 100 municípios baianos estão com ações de emergência para socorrer vítimas. 
 
Desde os estragos registrados em municípios da região extremo sul, no início deste mês de dezembro, Caravelas montou uma equipe mista com integrantes de várias secretarias municipais. 
 
De acordo com o Prefeito de Caravelas, Silvio Ramalho, “o objetivo foi identificar os pontos de alagamentos e os prejuízos causados nos bairros e distritos e no acesso por estradas e pontes”, destacou.
 

Nos últimos dias, quatro casas desmoronaram, onde viviam 11 pessoas, divididas em quatro famílias.

Segundo a Secretária de Assistência Social e Cidadania, Ayna de Souza, “essas pessoas estão recebendo apoio do município, através de ações como aluguel social, cestas básicas e apoio psicológico, além das medidas de contenção de danos e de preservação da vida”, disse.
 

Para a Secretária de Obras e Infraestrutura, “somente com a redução do nível de chuvas e das águas dos rios poderá ser feito levantamento mais detalhado dos estragos em prédios públicos, estradas e pontes, por exemplo”, disse.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário

SEJA UM PARCEIROWhatsApp do PrimeiroJornal (73) 99989-6889
Você repórter, seu espaço para participar com vídeos, fotos ou depoimentos