Mulher e bebê morrem após homem negar assistência durante trabalho de parto — Polícia Civil
O caso aconteceu na noite desta sexta-feira (23), em São Miguel das Matas, no Recôncavo Baiano.
Segundo a Polícia Civil, a mulher começou a ter convulsões durante o nascimento do filho. O companheiro dela se negou a dar assistência.
Preso em flagrante por omissão de socorro, assistiu à agonia da esposa, sem dar assistência. Depois da criança sair do ventre da mãe, ele enterrou o cordão umbilical do bebê no quintal da casa.
O delegado, Dr. Felipe Ghiraldelli, da 4ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) de Santo Antônio de Jesus disse que “o homem dizia se tratar de ‘obra do senhor’, ao se referir mal estar da mulher, por isso, não prestou socorro”.
Além de omissão de socorro, o acusado vai responder “por fraude processual, por ter limpado o local para apagar vestígios”, concluiu o delegado.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário

SEJA UM PARCEIROWhatsApp do PrimeiroJornal (73) 99989-6889
Você repórter, seu espaço para participar com vídeos, fotos ou depoimentos