Comemoração de quem acaba de ser vacinada, em tempo de pandemia, quando tantas pessoas morrem todos os dias, vítimas dessa da COVID-19
18 idosos residentes do Lar Jorge Ramos foram vacinados nesta quinta-feira (21).
A ação foi realizada pela Prefeitura de Prado, através da Secretaria de Saúde, seguindo os protocolos e as diretrizes do Plano Nacional de Imunização (PNI).
Os idosos estavam vivendo segundo medidas rígidas para conter a doença e evitar a infecção pelo novo coronavírus.
A senhora Ana Pinto da Costa, de 89 anos, foi a primeira desse grupo prioritário a receber a dose da CoronaVac. “Eu estou me sentindo ótima, fiquei muito feliz. Todo dia eu estava rezando para Deus mandar uma vacina para nós, para nos libertar”, falou emocionada.
Outro interno, Juscelino Moreira, disse que ficou “muito feliz, porque essa vacina é muito boa para controlar essa doença e irá ajudar na nossa saúde,” disse.
“Para essas doenças mais arretadas, acho que é importante vacinar. Tantas vacinas que existem, então para quê temer essa? Acho que temo mais a fincada da agulha, poderia ser de gotinha. Da morte ninguém escapa e não é por causa da vacina que eu vou morrer;” disse Florisvaldo Costa.
“Todo dia eu estava rezando para Deus mandar uma vacina para nós, para nos libertar. Mas para isso todos precisam tomar a vacina. Não é algo só para nós e sim para todos,” explicou Rosa Herrera Ogando.
A VACINAÇÃO – 1.360 doses da vacina chegaram ao município. Nessa primeira etapa, a prioridade é imunizar os funcionários da área da saúde (atuantes na linha de frente do atendimento de pacientes suspeitos ou confirmados de COVID-19), indígenas e idosos institucionalizados ou com idade acima dos 75 anos.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário