Coveiros do Cemitério do Caju usam equipamentos de proteção para enterrar um idoso que morreu de Covid-19 Foto: Fabio Motta / Agência O Globo

Em nota, o município de Mucuri disse se tratar de um homem, de 56 anos, diagnosticado com comorbidades (hipertensão e obesidade).

O primeiro óbito foi confirmado nesta segunda-feira (01/06), uma semana depois do paciente ter sido internado num hospital da rede particular, na segunda-feira (25), e ser liberado, em seguida.

Agravado o quadro clínico, ele buscou atendimento na rede pública, através do Hospital São José, já apresentando a síndrome respiratória aguda. No mesmo dia, na sexta-feira (29), a equipe médica solicitou a realização de teste, neste caso a testagem rápida, confirmando a COVID-19, doença causada pelo novo coronavírus.

Segundo a Secretária de Saúde de Mucuri, Fidelcina César dos Santos, “o paciente teve uma parada cardiorrespiratória, na manhã desta segunda-feira (01/06), durante uma transferência aérea para Unidade de Terapia Intensiva (UTI), com a aeronave já em solo, no aeroporto da Suzano S/A.

OUTRAS MORTES – Essa não é a primeira morte na região, com casos contabilizados em Vereda (01), Itamaraju (02), Eunápolis (02) e Porto Seguro (01).

Solidariedade e sentimentos à todos que perderam entes queridos e, sequer poderão dar o último adeus, em razão das medidas de segurança, sugeridas pelas autoridades de saúde.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário

- VOCÊ REPÓRTER - Envie fotos, vídeos e informações sobre o que você viu.
Whatsapp (73) 99989-6889 | Email: primeirojornal@hotmail.com