Juliano Cezar morre no palco em apresentação no Paraná


Cantor sofreu parada cardiorrespiratória, enquanto se apresentava, em Uniflor, no interior do Paraná. O vídeo abaixo mostra o momento exato em que o artista sente uma dor e cai no palco.

Juliano Cezar morreu na madrugada desta terça-feira (31), aos 58 anos. O velório será realizado em Ribeirão Preto, cidade onde o cantor morava há mais de 25 anos. O corpo será sepultado em sua cidade natal, Passos, Minas Gerais.

Ao longo de 33 anos de carreira, o cantor gravou 14 álbuns (4 DVDs) e fez muito sucesso com “Não Aprendi Dizer Adeus” (1990), “Rumo à Goiânia” (de 1991), “Bem aos Olhos da Lua” (de 1997), “Cowboy Vagabundo” (2002), Malvada (2002), “Faz Ela Feliz”, dentre outros sucessos.

Em 1991 Juliano Cezar foi considerado o cantor revelação do ano pelo prêmio Sharp e, em 2004, foi indicado ao Grammy Latino na categoria melhor álbum romântico, com o disco “Cowboy Vagabundo.

Juliano Cezar deixa sua esposa Andrea Mendes, com quem ficou casado por 27 anos.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário

- VOCÊ REPÓRTER - Envie fotos, vídeos e informações sobre o que você viu.
Whatsapp (73) 99989-6889 | Email: primeirojornal@hotmail.com