Mudança de ares na região extremo sul da Bahia. A redução da chegada de resíduos de petróleo na costa baiana foi um dos fatores determinantes para a reabertura da visitação no Parque Nacional Marinho de Abrolhos, localizado no município de Caravelas.

A partir desta sexta-feira (8) os visitantes já podem voltar a ter contato com esse, que é uma das maiores regiões de biodiversidade do Atlântico Sul.

A mudança de notícia se deve, também, aos esforços de limpeza, contenção e monitoramento da chegada de resíduos das manchas de óleo no litoral brasileiro.

Segundo a Marinha, nos últimos dois últimos dias, apenas fragmentos foram encontrados em torno das ilhas do arquipélago de Abrolhos, em porções de poucas gramas, sem registro de nenhuma quantidade significativa localizada no mar, na região do parque marinho. Outro fator importante foi a análise de nenhum impacto negativo à fauna e flora.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário

- VOCÊ REPÓRTER - Envie fotos, vídeos e informações sobre o que você viu.
Whatsapp (73) 99989-6889 | Email: primeirojornal@hotmail.com