Inspeção nas dependências do ponto de apoio da Júlio Simões, filial de Caravelas

A autuação aconteceu na manhã desta segunda-feira (29), após inspeção identificar diversas irregularidades.

A ação foi deflagrada pela Secretaria de Meio Ambiente, com o apoio da Vigilância Sanitária, Departamento de Tributação e Vigilância Epidemiológica.

Em fevereiro deste ano, uma vistoria técnica realizada pelo município identificou diversas irregularidades na estrutura do ponto de apoio da empresa, terceirizada responsável pelo transporte de madeira para a Suzano Papel e Celulose. Com prazo para adequação, a nova inspeção analisou o que foi feito para reparar os problemas de antes.

Edinéia França (Secretária de Meio Ambiente de Caravelas)

De acordo com Edinéia França (Secretária de Meio Ambiente de Caravelas), “nessa última inspeção, não só se constatou as mesmas irregularidades, quanto outras novas estavam sendo praticadas, com material poluente sendo lançado diretamente no solo, além de pneus com água parada, licença ambiental vencida, dentre outras irregularidades”, destacou.

Daiana Carrilho (Diretora da Vigilância Sanitária)

A Diretora da Vigilância Sanitária Municipal, Daiana Carrilho, disse “ter notificado a empresa por conta da “precariedade dos banheiros, da falta dos cuidados necessários na cozinha e em locais de uso comum, como medida de garantir a segurança alimentar e de higiene com as pessoas”, argumentou.

Danilo Farias (Departamento de Tributação)

O servidor no Departamento de Tributos, Danilo Farias, afirmou que, “a licença de funcionamento das empresas, está condicionada ao cumprimento de normas e de exigências, quando isso não é respeitado, a empresa fica descredenciada e sem alvará. A inspeção demonstrou a clara falta de condições e de cumprimento da legislação municipal”, disse.

Silvio Ramalho (Prefeito de Caravelas)

Para o Prefeito de Caravelas, Silvio Ramalho, “a fiscalização é fundamental porque demonstra a preocupação do município em garantir as condições necessárias aos trabalhadores e para a segurança com o meio ambiente e às leis vigentes”, explicou.

Uma reunião foi convocada pela Júlio Simões, na manhã desta terça-feira (30), com os assessores jurídicos, secretarias e órgãos que participaram da ação de vistoria.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário

- VOCÊ REPÓRTER - Envie fotos, vídeos e informações sobre o que você viu.
Whatsapp (73) 99989-6889 | Email: primeirojornal@hotmail.com