Aos 14 anos de idade, a jovem, ainda com a camisa da escola, perdeu a vida lutando para fugir de suas assassinas, enquanto era violentamente puxada pelo cabelo, recebia socos na cabeça, várias facadas no corpo e tentava se salvar do afogamento, já sem forças para reagir às várias pancadas no rosto, enquanto a sua ex-namorada comanda, incentiva e até esfaqueia o corpo já fraco, lutando para se manter viva.

Nem mesmo chorando e apelando a deixaram ir embora. As duas homicidas foram apreendidas em flagrante, no instante em que cometiam o crime, na manhã desta terça-feira (25), na praia do Pontal de Maria Farinha, em Paulista, na Região Metropolitana do Recife. Por conta da legislação, os nomes não podem ser divulgados.

O mais curioso é que maior parte do assassinato foi filmado (imagens fortíssimas e chocante) por elas mesmas, enquanto tirava a vida da adolescente, por ciúmes. A garota estava namorando com um rapaz, depois de se envolver com uma das criminosas.

Quando a garota já estava morta, aparecem populares que interrompem a crueldade e acionam a polícia. As duas foram para a Delegacia do Janga. O delegado Augusto Cunha, que esteve no local, disse o corpo apresentava vários ferimentos e sinais de afogamento. A adolescente também apresentava cortes na mão, que podem ter ocorrido quando ela tentava se defender das agressões.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário

- VOCÊ REPÓRTER - Envie fotos, vídeos e informações sobre o que você viu.
Whatsapp (73) 99989-6889 | Email: primeirojornal@hotmail.com