A produção de mandioca foi tema da reunião do Comitê Gestor do Programa de Desenvolvimento Rural (PDRT), realizado nesta terça-feira (08), em Teixeira de Freitas, por iniciativa da Fíbria para fomentar a agricultura familiar.

O encontro contou com a presença de Dr. Paulo Sérgio Onofre (representando a Vigilância Sanitária, órgão vinculado à Secretaria de Saúde de Alcobaça) e de Jackson Lacerda (Secretário de Meio ambiente de Alcobaça), dentre outros nomes.

Ao todo, 59 pessoas marcaram presença, representando 32 associações e 1 cooperativa de vários municípios do extremo sul da Bahia. Na reunião foram discutidos diversos temas, principalmente, a cadeia produtiva da mandioca.

Com forte potencial para a produção de farinha, o município de Alcobaça roubou a cena. A grande maioria das associações está localizada no território alcobacense, assim como, o projeto piloto também.

Uma das propostas foi implantar o projeto-conceito de farinheira familiar, dentro das normas da vigilância sanitária e ambientais, funcionando com um sistema de armazenamento e de destinação adequada da manipueira.

Para a próxima semana ficou acertada a implantação de um sistema desse tipo na Comunidade de Canabrava, afim de servir como modelo para outros produtores, que desejem conhecer e utilizar o sistema.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário