Prefeito de Itamaraju concede reajuste do piso nacional aos professores

O reajuste vai acompanhar o índice do piso nacional dos professores do magistério, estabelecido pelo Ministério da Educação (MEC), em 6,81%. Além do salário do professor Nível I, vai haver reflexo para coordenadores, diretores e vários profissionais da educação.

A decisão foi confirmada pelo Prefeito Marcelo Angênica, durante reunião com dirigentes da APLB/Sindicato dos Trabalhadores, realizada nesta terça-feira (27), para definir o reajuste do salário dos professores e profissionais da rede municipal de ensino.

-- Continua depois da publicidade --Suzano (dezembro-2017)

“O que devemos destacar aqui é que até 2016 mais da metade dos municípios brasileiros não pagavam o piso salarial aos professores, no entanto, buscamos corresponder com a legalidade e com valorização dos profissionais”, destaca o gestor.

“Mesmo em momentos de crise no País, a determinação do Prefeito em acompanhar o reajuste do piso nacional demonstra a valorização que é dada ao profissional da educação em nosso município”, frisou o secretário de Finanças Luiz Fábio.

A secretaria de Educação, Juciara Pereira, reafirma quanto à valorização dos profissionais do magistério. “A educação é umas das grandes prioridades da gestão do Prefeito Marcelo Angênica, que está sempre comprometido em ofertar um ensino de qualidade aos nossos estudantes da rede pública municipal”, finalizou.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário