Preso acusado de abusar sexualmente de uma adolescente em Itamaraju

Adiran de Oliveira Brito é irmão do padrasto da vítima. A proximidade familiar pode ter favorecido no crime. Esse é um cuidado que os familiares devem ter com seus filhos menores

A prisão aconteceu na noite do último domingo (28). Adiran de Oliveira Brito (irmão de seu padrasto) é acusado de abusar sexualmente de uma adolescente de 16 anos. Segundo a vítima, o acusado teria lhe oferecido uma carona de motocicleta e desviado do caminho. “Ele me levou para uma estrada deserta, próximo ao Posto de Combustível Corujão e me abrigou a manter relações sexuais”, afirmou a garota.

Após o ato, a vítima foi levada para a residência da companheira do acusado, sob ameaças para não relatar o ocorrido. Abalada emocionalmente e aos pratos, sem conter o sentimento de acabar de passar pela experiência de um estupro, a adolescente procurou a polícia para delatar o crime.

-- Continua depois da publicidade --Embasa

Procurado pela polícia, Adiran de Oliveira Brito se apresentou na Delegacia da Polícia Civil de Itamaraju, onde foi preso em flagrante. “Inicialmente ele negou o fato, depois com a chegada de seu advogado, resolveu assumir que praticou o ato sexual sem o consentimento da adolescente e com resistência dela“, relato lavrado em ocorrência.

A polícia ainda ouviu duas testemunhas acerca do caso e diante dos dados levantados pelo os investigadores, o Delegado da Polícia Civil, Marco Antônio, representou pela prisão em flagrante do acusado por entender que houve a prática do crime de estupro previsto no art. 213 do CPB. O acusado segue detido a disposição da justiça.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário