Contagem Regressiva para o Circuito Sul-Americano de vôlei de praia em Nova Viçosa

O início do Circuito Sul-Americano de vôlei de praia 2018 será ‘em casa’ para as duplas brasileiras. A primeira etapa da temporada no tour continental acontece na próxima semana, de 19 a 21 de janeiro, na cidade de Nova Viçosa, no Extremo Sul da Bahia. O torneio contará com seis duplas brasileiras no naipe feminino, além de outras quatro no torneio masculino, inclusive com a presença do campeão olímpico Ricardo.

O baiano, campeão dos Jogos Olímpicos de Atenas, atuará ao lado do paraibano George em parceria provisória, apenas para a etapa do Sul-Americano. As outras três duplas no torneio masculino serão Fernandão/Ramon Gomes (ES/RJ), Hevaldo/Arthur Lanci (CE/PR) e João Pedro/Lucas Sampaio (PR/RJ). Ricardo comentou a oportunidade de jogar em seu estado, o que não acontecia desde 2015, quando venceu uma etapa do Circuito Brasileiro.

-- Continua depois da publicidade --Embasa

“Estou muito empolgado por ter a oportunidade de voltar a jogar na Bahia, meu último evento no meu estado aconteceu em 2015. Estava atuando com o Emanuel e nos tornamos campeões da temporada e da etapa no mesmo evento. A Bahia me coroa sempre com grandes conquistas, mas dessa vez estarei jogando pela primeira vez com o George, um atleta muito promissor, campeão mundial sub-19 e sub-21”, declarou.

O naipe feminino também terá a presença de uma medalhista olímpica. Juliana Felisberta, bronze nos Jogos de Londres ao lado de Larissa, estreará parceria ao lado da paraibana Andressa. As outras duplas que defenderão o Brasil em busca de medalhas são Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE), Tainá /Victoria (SE/MS), Josi/Lili (SC/ES), Maria Clara/Carol Horta (RJ/CE) e Anne Catherine/Ana Carolina (RJ/MS).

Ana Patrícia e Rebecca venceram duas etapas do torneio continental na temporada passada. A bloqueadora da dupla, atleta mais alta do torneio com 1.94m, comentou a possibilidade de novamente representar o país na competição, desta vez em um local com quem mantém uma relação especial.

“Tivemos uma semana de recesso entre o Natal e o Ano Novo, retornamos aos treinamentos no dia 3 de janeiro e estamos trabalhando muito forte. Será especial jogar na Bahia. É um estado que particularmente amo, viajei várias vezes para Porto Seguro, sou encantada pelo litoral baiano. A expectativa é fazer um bom campeonato e largar bem no ano, será nosso primeiro evento. Temos um retrospecto bacana em etapas do Sul-Americano, conquistamos duas etapas em 2017 e queremos manter isso”, disse Ana.

Será a primeira vez que Nova Viçosa recebe uma etapa do torneio continental, que em 2018 contará com sete etapas. A quinta etapa do circuito também acontece na Bahia, em março, na cidade de Santa Cruz Cabrália, no sul do estado. O evento será transmitido pela DirecTV e também pelo site da Confederação Sul-Americana de Voleibol. Além dos jogos, a etapa contará também com oficinas de vôlei de praia e interação dos atletas com o público.

O ranking geral do Circuito Sul-Americano é feito apenas para os países, contando a pontuação da dupla mais bem colocada das nações em cada parada, mesmo que um país tenha mais de uma dupla no pódio. Os campeões de cada torneio somam 200 pontos, o vice, 180, o terceiro colocado, 160, reduzindo 20 pontos em cada posição seguinte.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário