Moradores de Itupeva são mortos e carbonizados em Santa Helena de Minas

O crime foi descoberto na tarde desta quarta-feira (18), depois de familiares estranhar o desaparecimento das vítimas, que saíram de Itupeva (distrito de Medeiros Neto) para visitar uma fazenda de propriedade em Santa Helena de Minas (que fica no Vale do Mucuri). Eles tinham combinado de retornar no último domingo (15). A falta de notícias preocupou os familiares.

Os corpos de Ronivon Moreira (administrador distrital de Itupeva) e dos irmãos, conhecidos como “Laninho” e “Biozão”, da família de “Fião” (ex-administrador de Itupeva), foram encontrados carbonizados dentro da casa na fazenda adquirida por Ronivon em Santa Helena de Minas. O veículo usado por eles também foi consumido pelo fogo. A crueldade do crime chocou os moradores das duas localidades e de quem toma conhecimento do caso.

-- Continua depois da publicidade --Embasa

No local do crime, uma cena triste. Muito pouco sobrou dos corpos, da residência e do carro. O levantamento cadavérico localizou perfurações à bala nos corpos das vítimas.

Ronivon Moreira deixa uma filha de dois filhos e sua esposa grávida de um terceiro.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário