Mutirão de Cirurgia. Foto: Elói Corrêa/GOVBA

As três principais unidades de saúde da cidade (Hospital Regional de Teixeira de Freitas, Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e Unidade Municipal Materno Infantil (UMMI) realizaram, juntas, mais de de 128 mil procedimentos ambulatoriais e hospitalares, além de outros 27 mil atendimentos nos últimos dois meses.

Essas unidades de saúde estão sendo administradas pela S3 Estratégias e Soluções em Saúde no município de Teixeira de Freitas.

De acordo com o diretor-executivo da S3, Mateus Simões, os resultados alcançados na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), no Hospital Municipal e na Unidade Materno Infantil são fruto de dois movimentos simultâneos: “o primeiro é a criação, padronização e implantação das instruções, rotinas e regimentos de trabalho, com objetivo de tornar os processos eficazes e eficientes. O segundo é o investimento em humanização, manutenção preventiva e regularização dos estoques”, explica.

Outras melhorias também ocorreram neste período, como cita o diretor-executivo. “Ampliamos o parque tecnológico, informatizando setores que não possuíam computadores. Também reativamos leitos e salas cirúrgicas, assim como, a regularização e a manutenção da rede de gases e vácuo, que oferecia risco a saúde dos pacientes. O restabelecimento dos estoques de materiais de consumo e medicamentos foi outra prioridade desde que assumimos em 1º de maio”, afirma Mateus Simões.

O diretor-médico da S3, Roney Santanna, detalha ainda que durante a realização do Mutirão de Cirurgias, no qual foram realizadas 507 cirurgias de hérnia (umbilical, epigástrica e inguinal), histerectomia (retirada do útero) e colecistectomia (vesícula), o hospital funcionou sem intercorrências.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário

- VOCÊ REPÓRTER - Envie fotos, vídeos e informações sobre o que você viu.
Whatsapp (73) 99989-6889 | Email: primeirojornal@hotmail.com