Desaparecimento da estudante de Direito ainda é um mistério para a família

Jamille Oliveira Porto saiu de casa no último dia 12 de maio com a previsão de retornar em até 30 dias. O dobro desse prazo já se passou e, desde então, a família não teve mais contato com ela.

Sem a ação da polícia, por não considerar o caso como desaparecimento, familiares recorreram ao Ministério Público de Teixeira de Freitas (MP/BA) para ajudar na localização da jovem, que desapareceu sem deixar rastro.

Sua página na rede social foi atualizada um dia após o desaparecimento. O telefone celular dela está indisponível. Sem notícias, a família pede para quem souber de algo que possa ajudar na localização, informar através dos telefones (73) 99992-3607 e 99970-0222.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário

- VOCÊ REPÓRTER - Envie fotos, vídeos e informações sobre o que você viu.
Whatsapp (73) 99989-6889 | Email: primeirojornal@hotmail.com