Preocupados com a possível desativação da comarca de Alcobaça, os vereadores do município alcobacense demonstraram preocupação com o risco do fechamento do órgão do judiciário.

Durante a sessão legislativa da última segunda-feira, dia 19, o Vereador Otoniel Muniz, a importância em se garantir o acesso à justiça, sobretudo, para as pessoas mais carentes com pouca ou nenhuma condição financeira de arcar com despesas para deslocar-se até outros municípios.

Outros colegas também compartilharam desta preocupação. O Presidente da Câmara de Vereadores de Alcobaça, Érico Miranda, clamou os colegas e a população para se unir em prol de forçar o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ/BA) para rever a decisão de desativar a comarca alcobacense.

Além de Alcobaça, outras 49 comarcas estão na lista do TJ/BA para serem desativadas e os processos agregados à outras comarcas circunvizinhas. Na última segunda-feira, dia 19, o Prefeito de Alcobaça, Léo Brito, foi à Salvador na tentativa de impedir o fechamento do órgão do judiciário no município.

A expectativa é que o TJ/BA se manifeste ainda esta semana sobre o pedido de reconsideração.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário

- VOCÊ REPÓRTER - Envie fotos, vídeos e informações sobre o que você viu.
Whatsapp (73) 99989-6889 | Email: primeirojornal@hotmail.com