Final de mandato e o desaparecimento do atual prefeito João Bosco (PT) resultou na decisão da justiça em bloquear as contas da Prefeitura de Teixeira de Freitas.

A decisão foi tomada pelo juiz, Dr. roney Jorge Cunha Moreira, autorizando o bloqueio de todas as contas e a movimentação dedinheiro apenas para a finalidade de pagamentos do 13º salário e a respectiva remuneração dos servidores municipais do mês de dezembro/2016, mediante indicação das contas que serão utilizadas e dos valores necessários.

O descumprimento pode acarretar pena de multa diária que pode chegar à R$ 100.000,00 (cem mil reais) em caso de utilização dos recursos com fins que não sejam aqueles autorizados pela justiça.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário

- VOCÊ REPÓRTER - Envie fotos, vídeos e informações sobre o que você viu.
Whatsapp (73) 99989-6889 | Email: primeirojornal@hotmail.com