Produtores, artistas e a comunidade cultural de vários municípios da região extremo sul da Bahia estão inscritos para participarem de oficinas de orientação. O objetivo é a preparar este público para pleitar recursos do Fundo de Cultura da Bahia. Ao todo serão investidos R$ 41 milhões, com meta de distribuição entre 21 modalidades artísticas. O objetivo da Secretaria de Cultura da Bahia (SECULT) é apoiar os mais de 400 projetos em todo o estado.

oficina cultura

As oficinas estão sendo conduzidas pelo Representante Territorial da SECULT, Junieques Santos, vez que prepara os participantes para os mecanismos de propostas, além da orientação para o cadastramento de artistas, produtores e entidades no SIIC (Sistema de Informações e Indicadores em Cultura).

A primeira oficina aconteceu nesta sexta-feira, dia 27, no município de Prado. O evento foi marcado pela participação popular. De acordo com Junieques Santos, “os municípios tem papel fundamental nesse processo e a mobilização dos agentes culturais é fundamental para alcançar os resultados propostos”, destacou.

A estimativa é que através das equipes das secretarias municipais e da Secult haja o elo entre o suporte técnico e os recursos financeiros para a cultura, incluindo cada vez mais um número maior de pessoas no acesso aos recursos disponibilizados pelo Fundo.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário

- VOCÊ REPÓRTER - Envie fotos, vídeos e informações sobre o que você viu.
Whatsapp (73) 99989-6889 | Email: primeirojornal@hotmail.com