fvO maior telejornal do país vai mudar de cara a partir da próxima segunda. Depois de quase 14 anos no comando do Jornal Nacional, Fátima Bernardes deixa a bancada que dividia com o marido, William Bonner.

Na noite de quarta passada começaram a rolar boatos da possível mudança, que foi confirmada oficialmente.

A substituta de Fátima será a jornalista Patrícia Poeta, que está no Fantástico há quase cinco anos. Segundo o diretor geral de jornalismo e esporte da Globo, Carlos Henrique Schroder, Fátima vinha propondo, há algum tempo, um novo programa.

Mas a atração que a apresentadora vai comandar está sendo mantida sob sigilo. “O que eu posso adiantar é que eu continuarei com funções jornalísticas. Esse programa não é parecido com nenhum outro que está no ar. E um sonho antigo que eu vinha amadurecendo”,disse.

No último dia de Fátima à frente da bancada do JN, Poeta será chamada pela jornalista e por Bonner. Na edição especial, serão exibidos vídeos da carreira das duas jornalistas.

E quem assume a vaga de Patrícia no Fantástico é Renata Ceribelli, que já apresentava ocasionalmente o programa, ao lado de Zeca Camargo.

A jornalista Fátima Bernardes, de 49 anos, estava na bancada do Jornal “Nacional” –do qual também é editora-executiva — desde 1998, ao lado do marido, o editor-chefe do programa, William Bonner. O casal assumiu a apresentação conjunta do jornal depois que Cid Moreira, Hilton Gomes, Sérgio Chapelin, Celso Freitas e Lilian Witte Fibe passaram pela bancada desde a estreia em 1969.

Fátima trabalhou primeiro como repórter do jornal carioca “O Globo” e então entrou na Rede Globo em 1987, após passar em um curso de telejornalismo da emissora. Seu primeiro trabalho no ar foi no extinto “RJTV 3ª edição”. Depois, a jornalista entrou no “Jornal da Globo” em 1989, no “Fantástico” em 1993 e no “Jornal Hoje” em 1996, antes de ficar no “Jornal Nacional” por 13 anos ao lado do marido.

O casal é pai dos trigêmeos Vinícius, Beatriz e Laura, nascidos em 1997. Durante o trabalho no “Jornal Nacional”, Fátima destacou-se na Copa de 2002, ano em que o Brasil foi pentacampeão. A jornalista foi eleita a “musa da seleção” pelos próprios jogadores.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário

- VOCÊ REPÓRTER - Envie fotos, vídeos e informações sobre o que você viu.
Whatsapp (73) 99989-6889 | Email: primeirojornal@hotmail.com