latrocida_fugindo_sampaAugusto Santana Santos, o “Guto Paulista”, terceiro envolvido no latrocínio de Jair da Silva Ferreira, assassinado a pauladas e pedradas na madrugada de domingo (1º), foi capturado ontem (5), quando tentava pegar um ônibus na Estação da Lapa, em Salvador. Uelinton dos Santos e Edmir Augusto Sales Barbosa, comparsas de “Paulista”, foram capturados naquele mesmo dia, nas proximidades do local do crime.

Segundo informou nesta sexta-feira (6), o delegado João Farias Filho, titular da Delegacia de Mata de São João, a vítima foi atacada pelo trio e brutalmente espancada. Uma testemunha tentou intervir e também foi agredida, tendo posteriormente acionado a Polícia Militar. Uma guarnição socorreu Jair para o Hospital de Mata de São João, onde ele já chegou sem vida.

A polícia apurou que a vítima trazia consigo uma pochete com certa quantia de dinheiro e uma câmera filmadora. Dinheiro e equipamento foram levados pelos ladrões. Logo depois da prisão de Uelinton e Edmir, a população tentou invadir a delegacia para linchar a dupla, mas foi contida.

Segundo o delegado “Guto Paulista” pretendia embarcar para São Paulo, onde tem parentes. Com um mandado de prisão expedido pela Justiça, ele ficará custodiado na carceragem da Delegacia de Mata de São João, bem como os comparsas, todos indiciados por latrocínio. A polícia investiga ainda a participação de um quarto suspeito no crime.


O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário