Ciclone com ventos de mais de 100 km/h deve atingir a região Sul a partir desta terça

O Ministério do Desenvolvimento Regional alertou na noite desta...

Defesa de Doria deve ir ao TSE caso prévias do PSDB não sejam respeitadas

A defesa de João Doria deve recorrer ao Tribunal...

Piloto Bruno Jacob garante 3º lugar em etapa do Mundial de Motosurf Freeride

O piloto baiano de motosurf Bruno Jacob foi...

Criminoso que trafica ‘haxixe’ para classe alta de Salvador é colocado em liberdade

Um traficante que vendia cigarros de haxixe por...

Quatro novos secretários assinam termo de posse

Publicado em:

COMPARTILHE ESSE ARTIGO:

posse_novos_secretarios

Desejando “toda luz e sorte para fazermos mais e melhor para o povo baiano”, o governador Jaques Wagner acompanhou a assinatura do termo de posse de quatro novos secretários, nesta sexta-feira (28), em cerimônia na Governadoria.

Almiro Sena assume a Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos (SJCDH); Carlos Brasileiro é o novo titular da pasta de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza (Sedes); Carlos Costa ficará à frente da Secretaria Extraordinária da Indústria Naval e Portuária (Seinp); e Wilson Brito assume a de Desenvolvimento e Integração Regional (Sedir).

Ex-secretário de Infraestrutura, Wilson Brito disse que na Sedir dará continuidade a programas como Gente de Valor, Produzir, Terra de Valor, dentre outros. Segundo ele, apesar do pequeno orçamento, as ações são grandiosas. “Vamos buscar parcerias com o governo federal para desenvolver ainda mais o Projeto Aquífero Tucano. E trabalhar mais intensamente em áreas críticas, com deficiências hídricas no semiárido e déficit habitacional nas comunidades rurais”, adiantou.

Ex-prefeito do Senhor do Bonfim, o secretário Carlos Brasileiro prometeu fortalecer ações e criar novas alternativas aos programas existentes na Sedes. “Os projetos criados reduzem cada vez mais os índices da pobreza. O que é evidente no período de 2006-2009, quando o índice da pobreza foi reduzido em 10.6 (%), atingindo patamar superior à média nacional”, afirmou.

Promotor de Justiça, o secretário Almiro Sena informou que a meta é buscar efetivação da política de direitos humanos e cidadania, além de avançar ainda mais nessa segunda gestão. Ele se comprometeu em prestar mais atenção ao sistema carcerário e definiu-o como prioridade. “Não começamos do zero, vamos continuar o trabalho dos nossos antecessores em parceria com a Secretaria da Segurança Pública”. Sena pontuou que a intolerância religiosa será combatida, independentemente do segmento religioso.

O secretário Carlos Costa destacou como prioridade o Complexo Porto Sul. “O porto e a ferrovia são importantes para o destino da Bahia, já que existe um interesse do mercado internacional, a malha ferroviária é essencial para escoar os insumos para o oeste e centro-oeste, reduzindo o custo Brasil e transportando toda produção agrícola e mineral do estado para exportação”.

Costa afirmou que vai lutar para que o porto seja de transbordo de contêineres e lembrou que a Petrobras é hoje a empresa que mais encomenda navios e plataformas. O secretário ressaltou que a estatal é uma parceira em potencial para desenvolver mais estaleiros no estado.


.

O que você achou desse assunto? Deixa aqui seu comentário

Compartilhe esse artigo:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Ministros recebem mais que Dilma e salários superam o teto do funcionalismo

  A divulgação dos salários do Executivo mostrou a presidente Dilma Rousseff atrás no ranking dos maiores contracheques da Esplanada. Os mais altos...

Mais emendas do que projetos

Se a Câmara dos Deputados fosse igual às empresas, o desempenho da bancada baiana em 2011 viraria motivo para uma conversinha na sala do...

Secretário do Planejamento, Zezéu Ribeiro, assina termo de posse

O novo secretário estadual do Planejamento, Zezéu Ribeiro, assinou termo de posse nesta quarta-feira (2), na Governadoria. Entre suas prioridades, estão a elaboração do...